Publicidade
FOHB

Comunicação dos hotéis é debatido em painel no Seminário Hôtelier News de Marketing e Vendas

O Dia e horário dessa postagem está no final, assim como nome do autor. O tempo estimado de leitura é de 2 minutos

O Gerente corporativo de Comunicações e Relacionamento com a Imprensa da Accor Hotels para a América Latina, Felipe Boni, acaba de moderar um painel denominado Assessorias de imprensa/comunicação, o seu hotel precisa tê-las? O painel fez parte da grade de programação da 3ª edição do Seminário Hôtelier News de Marketing e Vendas que acontece no hotel InterContinental São Paulo, na capital paulista. Os diretores de três atuantes assessorias de imprensa do País, Luiz Henrique Miranda, da AMIgo Comunicação Integrada, Maria Priscila Alves, da Mapa Comunicação e Paulo Piratininga, da Scritta Comunicação estiveram participando. Eles apresentaram cases de sucesso e dicas em como tirar o máximo proveito de uma assessoria de imprensa/comunicação e se o investimento em contratar assessorias vale a pena.

De acordo com Felipe Boni, a assessoria de imprensa deve ser olhada como uma ferramenta de relacionamento com a mídia e não ser simplesmente um mero canal de disparo de um release. “O assessor de imprensa necessita do jornalista e vice-versa e num bom relacionamento ambas as partes saem ganhando”, destacou Boni.

Na opinião de Paulo Piratininga, a assessoria de imprensa é o caminho natural para uma empresa que começa a crescer e necessita se relacionar com a mídia e reforçar a marca e imagem. “Escrever não é para todo mundo. É um dom e um release bem escrito pode ser aproveitado na íntegra pelos meios de comunicação. O assessor de imprensa deve ser multitarefa e estar sempre correndo contra o relógio em razão da necessidade do cliente e o inusitado faz parte do dia do assessor de imprensa”, assegurou Piratininga.

Maria Priscila analisa a assessoria de imprensa como o caminho natural para o cliente chegar até o consumidor final e marcar presença. No caso específico de um hotel, a assessoria de imprensa está presente em todas as pontas, desde a construção do empreendimento, implantação e o funcionamento. “A assessoria de imprensa é uma excelente ferramenta para o cliente se comunicar e algo cada vez mais necessário, mas mesmo crescendo muito nos últimos anos, algumas pessoas ainda não entendem e não conhecem o papel da assessoria de imprensa”, destacou Maria Priscila.

Luiz Henrique disse não acreditar no papel da assessoria de imprensa, mas sim no relacionamento com a imprensa e esta deve ser feita tomando o devido cuidado para não transparecer como uma maneira barata do cliente substituir a propaganda. “A idéia de substituir um anúncio por um release não é mais adequada. A diferença está em como levar a informação, de que forma ela será passada ao multiplicador de opinião. A assessoria de imprensa não sobrepõe a estratégia de uma empresa se comunicar com o mercado através de anúncios ou mesmo marketing de relacionamento”, garante Luiz Henrique.

Em relação a hotel, Luiz Henrique acredita ser necessário que todo hotel necessita ter em seu site uma ferramenta voltada à imprensa, assim como é necessário definir bem quem é o porta voz, que ele tenha disponibilidade para atender a imprensa e que fatos relevantes dos hotéis devem ser transformados em conteúdos de interesses. “Proteger e promover um hotel deve uma preocupação constante de uma assessoria de imprensa, pois uma notícia negativa deve ser prontamente combatida”, emendou Maria Priscila.

 

 

Publicidade
Anuncie conosco

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


CAPTCHA Image
Reload Image

CLICK AQUI PARA ESCOLHER O IDIOMA DA LEITURA
error: ARQUIVO NÃO AUTORIZADO PARA IMPRESSÃO E CÓPIA