HOME Matérias Entrevista Mário Gazin, um homem, uma marca, uma lição de vida

Mário Gazin, um homem, uma marca, uma lição de vida

2501
0
SHARE

Um garoto muito interativo e peralta do Interior do Paraná já ajudava seus pais nas lavouras de café com apenas 11 anos de idade, mas sempre quis mais e não tinha medo de arriscar e seguir meus próprios passos. Isto o levou a uma decisão arriscada e corajosa a  convencer o pai a vender o Jeep, o único carro da família, para comprar uma loja de secos e molhados na cidade de Douradina (PR).

Como este jovem não teve muito tempo para se dedicar aos estudos, o inicio na loja foi um trabalho muito árduo, houve várias dificuldades e por isso mesmo cada vitória sempre foi muito comemorada e valorizada. O desafio era em primeiro lugar manter o negócio, fazê-lo crescer e prosperar. Com o tempo a escola da vida fez o jovem  crescer no negócio, pois mesmo sem estudo, ele tinha o que um empreendedor necessitava:o feeling.

Nascia assim o Grupo Gazin que hoje é um grande conglomerado de empresas que atua em vários segmentos da economia e que obteve um faturamento de R$ 2.3 bilhões no ano passado. Entre os segmentos que atua está o hoteleiro em que a Gazin oferece uma ampla linha de móveis e eletrodomésticos, colchões, estofados, molas, espumas até pacotes de viagem, empréstimos, seguros entre outros. Conheça a seguir Mário Valério Gazin, um homem, uma marca, uma lição de vida.

Revista Hotéis — O Senhor com 11 anos de idade já trabalhava  na enxada  ajudando seus pais nas lavouras de café no Interior do estado do Paraná. Pouco tempo depois arrumou dois empregos, de dia era sapateiro e de noite trabalhava numa padaria.  Mesmo com esta vida árdua deu para curtir a infância e o inicio da juventude? Nesta época o Senhor já sonhava em chegar onde chegou com seus próprios passos?

Mário Valério Gazin —  Realmente sempre trabalhei muito em minha vida, mas isso não quer dizer que deixei de aproveitar minha infância, inclusive fui uma criança muito peralta. Sempre fui muito hiperativo, gostava, aliás gosto muito de natureza, rios, árvores e sempre era eu que organizava e criava as brincadeiras. Nesta época, com certeza não sonhava em chegar tão longe, mas como todo empreendedor sempre quis mais e não tinha medo de arriscar e seguir meus próprios passos.
 
Revista Hotéis — O que este trabalho árduo agregou em sua formação? Como conciliou os estudos e até que ano conseguiu estudar?

Mário Valério Gazin —  Com certeza me ensinou a valorizar o trabalho, a me cercar de ótimas pessoas, aprender o máximo com elas e incentivar a cultura. Costumo dizer que não tenho uma formação padrão, seguindo uma faculdade normal, mas aprendi muito em vários MBAs, cursos de especialização, simpósios, conferências, workshops. Tenho uma verdadeira sede por conhecimento.
 
Revista Hotéis — Como foi que surgiu a oportunidade de adquirir a primeira loja?

Mário Valério Gazin —  Quando jovem trabalhava em uma loja de secos e molhados na cidade de Douradina no Paraná e ao saber que meu patrão estava querendo vendê-la convenci meu pai a vender o Jeep da família para comprá-la. Foi uma decisão arriscada e corajosa, principalmente para a época, mas que me trouxe aqui até hoje.

Revista Hotéis — Como foi o início das atividades da Gazin e os principais desafios, tendo em vista que não tinha um bom grau de estudo? A escola da vida foi sua grande universidade?

Mário Valério Gazin —  Foi um início muito árduo, muito trabalho, várias dificuldades e por isso mesmo cada vitória sempre foi muito comemorada e valorizada. O desafio era em primeiro lugar manter o negócio, fazê-lo crescer e prosperar. Era um outro momento, a economia era outra, muito menos tecnologia em todas as áreas, problemas de infraestrutura e apoio do governo. A escola da vida me ensinou muito é claro, mas eu já tinha o feeling. De qualquer forma também procurei me desenvolver indo em busca de conhecimento em diversos canais. Livros, DVDs, revistas, cursos, outros profissionais são meus parceiros constantes e sempre serão.
 
Revista Hotéis — Quando e como decidiu expandir a Gazin para outras regiões do Brasil, como o Centro-oeste e o Norte?

Mário Valério Gazin —  A Gazin no começo cresceu seguindo o êxodo das pessoas que migravam para Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Rondônia e Acre e se tornou uma marca muito forte nessas regiões. A expansão foi natural até porque a empresa precisava crescer e atender mais pessoas. A escolha dessas regiões se deu através de pesquisas de mercado que levaram em consideração, população, incentivos fiscais, facilidades logísticas, entre outros aspectos relevantes.

 

Revista Hotéis — Com a expansão da Gazin, o Senhor necessitou fazer algum curso de aperfeiçoamento ou capacitação profissional para administrar o Grupo Gazin?

Mário Valério Gazin —  O aperfeiçoamento sempre foi uma preocupação minha, alias a Gazin investe pesado em desenvolvimento pessoal e capacitação profissional em diversos níveis para todos os seus funcionários. A meu ver só assim podemos dar uma base sólida para administrar o Grupo Gazin.

Revista Hotéis — Como o Grupo Gazin está posicionado hoje no mercado, quem são os controladores, quais os segmentos de negócios que atua e quanto fatura?

Mário Valério Gazin —  O Grupo Gazin é hoje uma das maiores redes varejistas e atacadistas brasileira, além de atuar em diversas áreas, como Consórcio, Serviços, Indústrias de Colchões, Estofados, Espumas, Molas, Distribuição de combustíveis, financeira, viagens e comércio eletrônico. O Grupo fatura hoje mais de R$ 2,3 bilhões por ano. Todos os sócios estão em atividade na empresa atuando em áreas chaves distribuídos das seguinte maneira: Mário Valério Gazin – Presidente; Jair José Gazin – Diretor de Expansão e Locação; Antônio Roberto Gazin – Diretor de Operações; Rubens Gazin – Diretor de Agronegócios e João José da Silva – Diretor Financeiro.

Revista Hotéis — Muitos especialistas econômicos criticam o modelo familiar de gerir os negócios e apostam na profissionalização como uma tendência irreversível de mercado. Como o Senhor analisa esta questão? A Gazin continuará sendo um grupo familiar ou pensa também na gestão profissional?

Mário Valério Gazin —  Acredito que o Brasil é um País em que as estruturas são essencialmente familiares e nas empresas essa essência é muito forte, mas isso não quer dizer que não podemos ter um nível excelente de profissionalização dentro delas. Basta que a empresa seja gerida de forma profissional, com investimento em desenvolvimento e capacitação em todos os níveis. O Grupo Gazin é e sempre será uma empresa familiar, mas com uma modelo de Gestão Profissional baseado no desenvolvimento humano e sustentabilidade.

Revista Hotéis — Como a Gazin enxerga o mercado hoteleiro, o que ele representa no faturamento da empresa e quais as soluções que oferece neste segmento?

Mário Valério Gazin —   O Mercado hoteleiro é uma excelente oportunidade de negócios para várias empresas de diversos ramos e ainda mais agora em que se aproxima uma Copa do Mundo e uma Olimpíada. O Grupo Gazin está sempre atento a essas oportunidades e se preparou para oferecer diversas soluções, que incluem desde uma ampla linha de móveis e eletrodomésticos, colchões, estofados, molas, espumas até pacotes de viagem, empréstimos, seguros entre outros.
 
Revista Hotéis — O Senhor ainda manda bordar nas roupas íntimas distribuídas aos colaboradores no início do ano as metas a serem alcançadas pela Gazin? Porque razão utiliza esta estratégia e como conseguemotivar os colaboradores a alcançar estas metas?

Mário Valério Gazin —   Na Gazin, todos somos orientados por metas e objetivos e pessoalmente acredito que isso tem que estar explícito, em todos os lugares e momentos para que seja internalizado pelos nossos colaboradores. A motivação vem de cada um, seus sonhos e anseios. Se para isso é preciso bordar as metas nas roupas íntimas é isso que faremos sempre. É um caminho sem volta, até porque meus funcionários me pedem a cada ano novas peças.

Revista Hotéis —Qual a lição que o Senhor deixa para os jovens e para quem está querendo abrir um negócio?

Mário Valério Gazin —  A lição que deixo para os jovens é a seguinte: Sejam empreendedores, arrisquem com responsabilidade, tenham humildade para aprender com os mais velhos, respeitem e tenham comprometimento com seus sonhos. Acreditem, dediquem-se 110% ao seu negócio e persevere para realizá-los.

 

___________________________________________________________________________________________
Informação em tempo real!

· Facebook, clique aqui e curta a nossa página
· Twitter, seja nosso seguidor! www.twitter.com/revistahoteis 

______________________________________________________________________________________________

 

SHARE

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here


CAPTCHA Image
Reload Image