Publicidade
Retomada do turismo

Inovações de arquitetura para o setor hoteleiro foram tema do 32º Encatho

Direto de Florianópolis (SC) – Patrícia Moschen, arquiteta da MM Arquitetura Conectada, subiu ao palco na manhã desta quinta-feira, 15 de agosto para a apresentação da palestra “Inovações de arquitetura para o setor hoteleiro”.

Como acompanhar as mudanças pelas quais o mundo passa atualmente e como empregá-las na hotelaria e no seu empreendimento? “Achamos que a inovação está ligada à tecnologia, mas não é apenas isso. Há de se considerar quais os seus valores e qual a sua identidade em relação a sua comunicação e o que o mercado está percebendo sobre o seu empreendimento? Faça essas perguntas e encontre dentro da história do seu hotel a inovação. As vezes você tem dentro disso, a resposta para essas perguntas. Resignifique o seu empreendimento”, ensinou a arquiteta.

Publicidade
RAP Engenharia

De acordo com Patrícia, esse processo de conceituação dentro de um hotel implica a colaboração de várias áreas, de Marketing, do arquiteto às lideranças. “Muito está se falando da mudança de perfil da pessoa que faz uso da hotelaria atualmente. Não podemos mais definir o viajante pela região ou idade. O viajante experiencial é o que busca se inserir no local onde está. A geração millenial já compreende 24% da população que viaja. 70% querem explorar as regiões que visitam. Fica claro ai um novo perfil e é preciso entender como o seu hotel se posiciona frente a essas transformações”, disse Patrícia.

Publicidade
Harus

Serviços inteligentes, tecnologia simples e bem-feita, conexão não apenas de internet, mas de pessoas, gestão com valores e engajada com movimentos sociais, critérios de sustentabilidade, hotéis com personalidade e engajamento com a comunidade – sensação de pertencimento. Segundo Patrícia, tudo isso tem relevância no peso de decisão do novo viajante. “Eles buscam hotéis autênticos. As grande redes não fazem mais hotéis padronizados, iguais uns aos outros”, explicou.

Em seguida, Patrícia mostrou cases de hotéis com arquitetura e design diferenciados, que atendem a nova demanda de viajantes, seja de perfil de lazer, trabalho ou aventureiro.

O conceito de sustentabilidade foi abordado com força durante a sua apresentação. “Existe um hotel em Jacarta que é totalmente sustentável, esse é um tema muito amplo, que requer mais tempo para debate. Esse hotel se posiciona com placas fotovoltaicas, gera a sua própria energia e a sua comunicação e identidade reflete essa característica”, explicou. Patrícia mostrou diferentes exemplos de hotéis que utilizam energia sustentável na sua operação.

O Moxy Hotels, da Marriott International, também teve destaque: “Trata-se de uma linha jovem, relacionada ao estilo de vida das pessoas. Fala muito de festa, de energia e de aproveitamento da vida. Eles têm essa pegada rosa, predominante nas áreas sociais para lembrar o visitante de que está em um local com conforto visual e físico. A confraternização e a interação das pessoas também faz parte de sua proposta com grandes bares, mesas de pebolim, espaços de coworking, tornando o empreendimento uma referência nas cidades onde está inserido”, afirmou a arquiteta.

Patrícia também mostrou o Penta Hotels, na Alemanha, cujo foco é o entretenimento, com video-games em todos os quartos, hambúrgueres artesanais como carro-chefe de sua gastronomia e jogos diversos nas suas áreas sociais.

O 32º Encatho & Exprotel é uma realização da ABIH-SC, com a Revista Hotéis como mídia oficial. A reportagem viajou a Florianópolis a convite da ABIH-SC e hospedou-se no Hotel Faial Prime Suites, um dos empreendimentos parceiros da entidade no evento.

Publicidade
APP – cabeçalho

Comments

Avatar
Vânia Monteiro

Parabéns pela ampla cobertura do evento.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


CAPTCHA Image
Reload Image

CLICK AQUI PARA ESCOLHER O IDIOMA DA LEITURA
error: ARQUIVO NÃO AUTORIZADO PARA IMPRESSÃO E CÓPIA