HOME Matérias Trade Universitárias são qualificadas para o mercado de feiras e eventos

Universitárias são qualificadas para o mercado de feiras e eventos

Projeto Educacional da Academia Brasileira de Eventos e Turismo certifica segunda turma após etapas de estágios nacionais e visitas técnicas monitoradas internacionais

76
0
SHARE
Carolina Nemer, Marília Galdino, Mariana Marcondes, Barbara Gadel, Paula Campos - Crédito: Polly Studio

No último dia 12 de abril, a Academia Brasileira de Eventos e Turismo certificou a segunda turma do seu Projeto Educacional, durante o Fórum Eventos, o maior encontro interacional do setor de eventos, em São Paulo.

Cinco alunas das universidades Anhembi Morumbi, ESPM – Escola Superior de Propaganda e Marketing, FGV – Fundação Getúlio Vargas e do Senac receberam certificados de qualificação nos setores de feiras e eventos, após participarem de etapas de estágio nacional e visitas técnicas monitoradas internacionais, como proposta do projeto.

Para o primeiro semestre de 2016, a proposta é que um total de 40 alunos das cinco universidades parceiras do Projeto participem das inscrições no programa, ou seja, oito por instituição. As instruções para participação são fornecidas pelas próprias faculdades.

De acordo com Sergio Medina Pasqualin, presidente da Academia, o projeto tem como objetivo principal de mostrar o setor para as novas gerações que estão se formando. “A segunda turma teve a oportunidade de conhecer como o negócio feiras acontece no Brasil e em outros países. A vitrine do país é a Feira, este é um modelo que tem funcionado em todos os países porque o contato presencial é fundamental, o olho no olho é o que faz diferença”, afirmou.

Barbara Gadel, aluna de Administração de Empresas na FGV; Carolina Nemer, aluna de Hotelaria no Senac; Marília Galdino, do curso de publicidade e Propaganda do Senac; Mariana Marcondes, do curso de Jornalismo da ESPM; e Paula Queirolo Campos, aluna de Tecnologia em Eventos da Anhembi Morumbi, receberam os certificados das mãos dos professores e coordenadores Sandra Maia (Senac), Marcelo Zorovich e Renato Essenfelder (ESPM) e Silvia Valente (Anhembi Morumbi).

O Programa Educacional da Academia Brasileira de Eventos e Turismo conta com o apoio de 11 empresas organizadoras, montadoras e pavilhões no Brasil – APAS, APCD, Couromoda, Francal, Laço, Estrutural, Surreal, Publistand, Hotma, Expo Center Norte, Transamérica -, três pavilhões internacionais – Exponor (Porto – Portugal), Messe/Colônia (Alemanha) e OCCC-Orange Country Convention Center, em Orlando (USA) -, e cinco instituições brasileiras – Anhembi Morumbi, ESPM, FGV, FAAP e Senac.

O projeto atende às exigências do Ministério da Educação, já teve dois reconhecimentos internacionais e foi considerado pela UFI – The Global Association of the Exhibition Industry, como inovador no setor de feiras a nível mundial.

SHARE

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here


CAPTCHA Image
Reload Image