Tauá investe para ser a maior rede de resorts do País

Tauá investe para ser a maior rede de resorts do País

413
0
SHARE
Lizete Ribeiro, Diretora Comercial da rede Tauá

Espaço de lazer infantil, Timeshare e um novo Centro de Eventos. Estes são apenas três dos mais recentes investimentos da rede Tauá Resorts, que está presente em Atibaia (SP), Araxá e Caeté, destinos em Minas Gerais. Outros investimentos da rede que segue em notável crescimento no País permeiam a construção de novos blocos de apartamentos e a inauguração do novo Centro de Eventos Corporativos ainda neste mês de outubro na unidade paulista. Com isso, a rede trabalha por uma meta singular: se tornar a maior rede de resorts do País.

Entre 2015 e 2016, os investimentos no Jota City, espaço voltado exclusivamente para crianças, e o Centro de Eventos somam R$ 34 milhões. Para a inauguração do próximo bloco de apartamentos e ampliação da área de lazer, serão mais R$ 40 milhões até janeiro de 2018 apenas na unidade de Atibaia, que atrai clientes de vários estados.

A abertura de uma sala de vendas do Tauá Vacation Club em São Paulo é também resultado positivo e acima das expectativas da aposta da rede em Timeshare, já que acelerou o crescimento da rede de maneira geral e fidelizou clientes. O sucesso da rede também levará uma nova unidade à Alexânia (GO) até 2018, onde serão investidos cerca de R$100 milhões. À frente do setor comercial da Tauá Resorts, Lizete Ribeiro comenta detalhes da ascensão da rede que espera faturar R$ 150 milhões ainda este ano. Confira nesta entrevista exclusiva:

Revista Hotéis – Recentemente vocês inauguraram a Jota City, um espaço dedicado às crianças. O que levou a rede Tauá a fazer este investimento, o que ele agregou ao empreendimento e qual é a expectativa nos próximos anos com este espaço?

Lizete Ribeiro – Nossa experiência bem sucedida em Caeté, onde o projeto existe há três anos, nos motivou a trazer o projeto para Atibaia. Acreditamos no entretenimento inteligente e no consumo sustentável, e esse é um diferencial na hora de decidir o resort ideal para a família. Criamos o conceito e os espaços da Jota City pensando nas melhores práticas e referências que as crianças podem ter durante uma das principais fases do desenvolvimento infantil, o que é muito bem visto pelos pais. A Jota City valoriza a sustentabilidade, cada atividade tem uma finalidade educativa, seja para estimular a criatividade, agregar conhecimento ou para incentivar e promover o uso sustentável dos materiais que fazem parte de nosso dia a dia. Paralelamente, lançamos o Jota City Park, que é um programa exclusivo para excursões escolares para alunos do 1º ao 5º ano e, ainda, disponibilizamos a Jota City para festas infantis. Com isso, nossa expectativa em relação à Jota City é que sua receita gire em torno de R$ 500 mil reais/mês, a partir de janeiro de 2017.

Revista Hotéis – E por falar em investimentos, estão em curso vários outros na unidade de Atibaia (SP). O que eles buscam contemplar? Qual será o aporte de recursos e o prazo de conclusão?

“Tivemos um primeiro semestre muito bom com recordes de ocupação”

Lizete Ribeiro – Nossos investimentos estão focados na construção de mais dois prédios de apartamentos, no complexo, além da ampliação da área de lazer que essa expansão demanda, incluindo bares e restaurantes, claro. O primeiro bloco deve ser inaugurado em janeiro de 2018. Também estamos inaugurando, agora em outubro, o novo Centro de Eventos Corporativos, que tem o Espaço América como principal salão. Em janeiro de 2017, teremos 54 salões/salas, o que nos posiciona como o maior complexo de eventos, dentro de um hotel, no País. Recentemente, inauguramos a Jota City. Dessa forma, considerando Jota City e Centro de Eventos, os investimentos somam 34 milhões de reais, entre 2015 e 2016. Para a inauguração do próximo bloco de apartamentos e ampliação da área de lazer, serão mais R$ 40 milhões até janeiro de 2018.

Revista Hotéis – Qual é a expectativa em relação a inauguração do Espaço América? O foco são empresas de São Paulo?

Lizete Ribeiro – Sim, nosso foco é São Paulo, mas nossa expectativa é atender empresas e eventos de diferentes portes, como congressos, feiras e eventos sociais, provenientes das regiões de Atibaia, Campinas, Sorocaba e Vale do Paraíba. O Salão América é o maior espaço, com capacidade para três mil pessoas, simultaneamente. Mas, temos salas e salões com capacidades para absorver outras demandas, ao mesmo tempo.

Revista Hotéis – Ao final da ampliação, qual será a capacidade máxima do Tauá Atibaia?

Lizete Ribeiro – Ao final, teremos 716 apartamentos e o maior Centro de Eventos dentro de um hotel no País. Certamente seremos um dos maiores resorts do interior do Estado de São Paulo. Nossa meta é ser a maior rede de resorts do Brasil.

Trofeu 1

Revista Hotéis – Quanto representa no faturamento do empreendimento do interior de São Paulo? Ele é o mais rentável da Rede?

Lizete Ribeiro – Hoje, sim. É o mais rentável. Atibaia representa 45% do faturamento da Rede.

Revista Hotéis – O que motivou a rede Tauá a adotar o timeshare? Qual a avaliação que faz dos resultados alcançados até hoje e as expectativas para os próximos anos?

Lizete Ribeiro – O Tauá Vacation Club é uma forma de acelerar o crescimento da Rede, assim ocupamos os hotéis nos períodos de baixa temporada, além da fidelização de clientes. Nossos resultados estão acima da expectativa, tanto que estamos abrindo sala de vendas do Tauá Vacation Club em São Paulo.

Revista Hotéis – Há investimentos previstos para a unidade de Caeté e o Grande Hotel de Araxá?

Lizete Ribeiro – Em Araxá faremos a reformulação completa do Kids Club, tematizando o espaço com os personagens infantis originais do Tauá. Em Caeté, estamos num processo contínuo de retrofit, que deve se estender ao longo de 2017 também.

Revista Hotéis – A atual instabilidade que passa a economia brasileira afetou de alguma maneira os planos de faturamento da rede Tauá neste ano? Qual é a expectativa de faturamento da Rede em 2016 e 2017?

Lizete Ribeiro – Não, tivemos um primeiro semestre muito bom, com recordes de ocupação. Fomos beneficiados pela alta do dólar e nossos esforços em lazer e em eventos já estão trazendo retorno. Para 2016, nossa expectativa é faturar R$ 150 milhões de reais. Em 2017, esperamos um incremento de 18%.

Saga System´s

Revista Hotéis – Vocês estão com um novo projeto hoteleiro em Alexânia, próximo do entorno do Distrito Federal. O que levou a rede Tauá a escolher este local? Qual será o montante de capital a ser investido? Como será este novo empreendimento?

Lizete Ribeiro – Temos uma alta demanda por hóspedes da região de Brasília e Goiás, hoje absorvida pelo Tauá Grande Hotel & Termas de Araxá. Esse projeto prevê 400 apartamentos e levará a assinatura do renomado arquiteto Ricardo Julião. No total, devemos investir R$ 100 milhões de reais até sua inauguração, em dezembro de 2018.

Revista Hotéis – Mão de obra é um dos grandes gargalos da hotelaria nacional. Vocês enfrentam problemas no recrutamento e seleção dos colaboradores? Como se dá o processo e os critérios avaliados?

Lizete Ribeiro – Temos um modelo de recrutamento e gestão que prioriza jovens que buscam o primeiro emprego. A grande maioria de nossos colaboradores estão conosco há anos, muitos fizeram carreira e, hoje, ocupam posições de liderança. Acredito que essa receita tem nos beneficiado ao longo dos anos, além do fato de investirmos em treinamentos constantemente.

Trofeu 1
SHARE