AconteceuÚltimas Notícias

IMOBTUR debate a importância dos parques na hospitalidade

Painel apresentou dois cases de sucesso que unem parques e hospedagem

Terminou agora há pouco a palestra sobre parque como âncoras de empreendimentos de hospitalidade no IMOBTUR 2023. O evento – organizado pela ADIT Brasil – é realizado no Amcham Business Center, em São Paulo (SP), contou com a participação de Alessandro Cunha, CEO da Aviva e Sérgio Ney Padilha, CEO do Hot Beach Parque & Resorts com a mediação de Fabiana Leite, Diretora de Desenvolvimento de Negócios para América do Sul da RCI.

Publicidade
Harus

Fabiana trouxe informações de um estudo realizado recentemente por Pedro Cypriano, sócio-diretor da Noctua Advisory, que apresentou a contextualização, a oferta atual e os novos investimentos dos parques no Brasil, que entre outras coisas mostra como o atrativo aumenta a permanência do hóspede, gera renda, emprego e contribui com crescimento do turismo.

IMOBTUR debate a importância dos parques na hospitalidade
Fabiana Leite foi mediadora do painel “Parques como âncora de empreendimentos de hospitalidade
Publicidade
Ameris

Sergio contou que no final de 1990, Olímpia era uma cidade que estava em decadência, com os jovens saindo da cidade para procurar emprego. Nos anos 2000 foi inaugurado o primeiro hotel da cidade voltado para o entretenimento, com 24 apartamentos e a partir disso houve o crescimento do turismo que em três anos chegou a 1 milhão de visitantes. O Grupo Ferrasa foi acompanhando essa evolução, culminando com o lançamento do empreendimento Hot Beach em 2013.

IMOBTUR debate a importância dos parques na hospitalidade
Sergio Ney Padilha contou uma pouco da história e desenvolvimento do Hot Beach junto com a cidade de Olímpia

De acordo com Alessandro Cunha, os parques tem uma importância grande para o desenvolvimento do turismo. “O Hot Park, por exemplo, passou a ser uma amenidade do Rio Quente. Nos vendemos o pacote completo, com o parque como atração”.  Alessandro falou sobre o projeto do Hot Park para a Costa do Sauípe, que tem previsão de início das obras em 2024 e entrega em 36 meses. “Acredito que a chegada do Hot Park será a terceira onde de desenvolvimento do litoral norte da Bahia”.

IMOBTUR debate a importância dos parques na hospitalidade
Alessandro Cunha apresentou algumas novidades e projetos do Hot Park
Publicidade
Clima ao Vivo
Entretenimento e valor do produto

Sergio destaca que a sinergia entre parque, hotelaria e multipropriedade é impressionante. “A valorização do local para os hóspedes cresce bastante. A simbiose entre parque, crianças, adolescentes, família e diversão é muito grande. Mas é preciso trazer novidades, entender o cliente e atender suas expectativas para gerar fidelização”, afirma o executivo do Hot Beach.  “As diárias do Rio Quente tiveram um incremento significativo com a chegada do Hot Park. O parque melhora muito a jornada do cliente, além de gerar faturamento extra”, explica Alessandro que enfatiza que os parques precisam de renovação constante e investimentos para continuar sendo atrativo para o cliente. Entre as tendências futuras, Alessandro destacou o a criação de espaços especiais dentro dos parques, para atender vários públicos e oferecer experiências exclusivas.

Publicidade
Desbravador

Denise Bertola

Denise Bertola - Repórter

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
CLICK AQUI PARA ESCOLHER O IDIOMA DA LEITURA
error: ARQUIVO NÃO AUTORIZADO PARA IMPRESSÃO E CÓPIA