Publicidade
Leceres

Crescimento de e-commerce faz multinacional de Self Storage investir US$ 64 milhões

O Dia e horário dessa postagem está no final, assim como nome do autor. O tempo estimado de leitura é de 3 minutos

O empresário francês Dominique Teyssere iniciou as operações do M3storage, uma empresa de Self Storage com sede no Chile, há cinco anos.  O engenheiro comercial de 52 anos, é o fundador da multinacional que hoje conta com 70 operações espalhadas entre o Chile, Colômbia, Brasil e, em breve, México. Confiante com o mercado, Dominique revela que o plano de expansão da empresa, que inclui o Brasil, terá como investimento o valor de US$ 64 mi, onde a empresa corresponderá às necessidades em última milha do mercado devido ao forte crescimento de logística ligado ao comércio eletrônico.

Publicidade
Clima ao Vivo

Transformação digital

Diferente de qualquer empresa já existente no mercado mundial, os boxes de autoarmazenamento do M3storage chegam para inovar os serviços, já que oferecem opção de atendimento, desde a contratação à utilização, inteiramente por meios digitais, e tudo isso com tecnologia própria, simples e 100% segura.

Publicidade
Harus 1

A maior parte das empresas que oferecem este tipo de serviço, posicionam seus depósitos em locais afastados do centro, como marginais e rodovias, por exigirem grandes espaços para a inserção do galpão, e este também é um ponto que a empresa trabalhou para otimizar. Com estruturas que levam 20 dias para serem montadas e utilizadas pelos consumidores, a multinacional melhora a logística de acesso aos boxes e sempre disponibiliza operações em  pontos estratégicos, como estacionamento de Shoppings, Supermercados e Galpões vazios, suprindo uma necessidade tanto dos consumidores quanto de investidores que mantinham espaços ociosos e agora conseguem rentabilizá-los por meio de parcerias.

Publicidade
21 anos Revista Hotéis

Crescimento de 12% ao mês

Teysseyre aponta uma relevante vantagem do M3storage em relação à outras empresas tradicionais do setor, pois estas investem na construção de galpões próprios, enquanto o M3storage aproveita espaços ociosos já existentes ou que foram gerados a partir da pandemia e das mudanças de hábitos dos consumidores, como edifícios e redes comerciais. Assim, desenvolve centros de armazenamento em localizações centrais para atender pessoas físicas e jurídicas, com espaços que variam de um metro quadrado em diante. “Temos uma taxa de crescimento de 12% ao mês no Chile, Colômbia e Brasil, e a quantidade de metros quadrados disponíveis dobraram no último ano, nos permitindo expandir mais rápido ainda”, enfatiza o CEO.

Crescimento de eletrônicos faz multinacional de Self Storage investir US$ 64 milhões

Os boxes de autoarmazenamento do M3storage chegam para inovar os serviços

São cinco anos de investimentos em que o M3storage desenvolve e disponibiliza a sua própria plataforma digital de autoarmazenamento para contratação, acesso e monitoramento de todo o sistema logístico.

Publicidade
Soluções 1

Em relação ao impacto de novos investimentos, Dominique indica que esperam manter os quatro mercados em ascensão e, com isso, só aqui no Brasil, gerar 70 milhões de metros quadrados em cada ano.

Atualmente, a empresa trabalha em parceria com grandes companhias dos quatro mercados, e aqui no Brasil atua em pontos como o Edifício World Trade Center, em São Paulo, na Rede Carrefour, Grupo Êxito, Grupo Safyr, redes de estacionamentos, entre outros.

Publicidade
Faitec

De acordo com Luciano Montenegro de Menezes, CM no Brasil do M3storage, o plano de expansão no país, que tem no cronograma oito unidades para serem inauguradas somente neste mês de abril, conta com a abertura de mais 42 operações só neste ano, que serão distribuídas entre São Paulo, Rio de Janeiro, Brasília, Goiânia e Curitiba.

Hotéis, um novo nicho para a empresa

Além disso, o CEO da empresa antecipa que existe a avaliação da abertura da solução em locais que, anteriormente, não faziam parte do plano, como hotéis. Ele explica que a grande desocupação advinda da pandemia, principalmente aqui no Brasil, um destino turístico de pessoas do mundo todo, fez com que os gestores olhassem com mais atenção para este nicho, e algumas redes hoteleiras estão disponibilizando andares inteiros para a operação dos boxes digitais.

Publicidade
Soluções RH

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


CAPTCHA Image
Reload Image

CLICK AQUI PARA ESCOLHER O IDIOMA DA LEITURA
error: ARQUIVO NÃO AUTORIZADO PARA IMPRESSÃO E CÓPIA