Publicidade
Trofeu Fornececor

Qualidade do ar condicionado será determinante na retomada hoteleira

Estudos comprovam que a transmissão do novo coronavírus também pode circular por caminhos mais longos através das correntes de ar dos sistemas de ventilação

A pandemia da COVID-19 mostrou ao mundo que nenhum país é uma ilha isolada e que todos fazem parte de uma aldeia global em que o problema de um pode repercutir nos demais. E gestos e atitudes que foram esquecidas no passado voltaram a ser lembradas numa preocupação constante, como lavar as mãos várias vezes ao dia. Com isso, a preocupação com a limpeza frequente de qualquer ambiente também se tornou uma obsessão e a purificação do ar que respiramos em ambientes internos uma preocupação.

Segundo uma pesquisa do Centro de Controle de Doenças de Guangzhou e pela Universidade de Hong Kong, na China, a transmissão do novo coronavírus também pode circular por caminhos mais longos através das correntes de ar dos sistemas de ventilação. Por conta disso, a qualidade do ar deve ser tratada com cuidados nessa retomada das operações hoteleiras.

Publicidade
APP – cabeçalho

Comments

Avatar
Leonardo Cozac

Boa abordagem da reportagem, a qualidade do ar interno é muito importante para hoteis e demais ambientes para a vida das pessoas. Apenas senti falta da posição oficial da ABRAVA – Associação Brasileira de Refrigeração e Ar Condicionado sobre o assunto.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


CAPTCHA Image
Reload Image

CLICK AQUI PARA ESCOLHER O IDIOMA DA LEITURA
error: ARQUIVO NÃO AUTORIZADO PARA IMPRESSÃO E CÓPIA