Publicidade
Encontro da Hotelaria Mineira

Juma Ópera, em Manaus, abre e espera 70% de ocupação no 1º ano

O Dia e horário dessa postagem está no final, assim como nome do autor. O tempo estimado de leitura é de 2 minutos

Inaugurado no último dia 2, o hotel-boutique Juma Ópera, localizado em frente a um dos cartões-postais de Manaus, o Teatro Amazonas (1896), aguarda uma taxa média de ocupação de 70% ao final do primeiro ano de operações. “A abertura do Juma Ópera, com 41 suítes, é concretização de um sonho de mais de dez anos, e a nossa expectativa é a melhor possível”, diz o Diretor Caio Galesi Starace Fonseca, durante apresentação à imprensa hoje no restaurante A Figueira Rubaiyat, em São Paulo. A gerência geral está a cargo do experiente Rodrigo Dezan Cunha que, entre outros estabelecimentos, atuou no mesmo cargo no Hotel Unique (SP), Summerville Beach Resort (PE) e Transamérica Comandatuba (BA).

O mais novo hotel manauara pertence aos mesmos proprietários do Juma Amazon Lodge, prestigiado hotel de selva a 3 horas de barco da capital amazonense. “Ao contrário do Juma Lodge, que recebe 80% dos hóspedes do Exterior, o Juma Ópera deverá ter uma composição diferente: 50% de estrangeiros e 50% de brasileiros, visto que pretendemos ter uma fatia importante do corporativo oriunda da Zona Franca”, explica Fonseca.

O Diretor dos hotéis Juma Amazon Lodge e Juma Ópera, Caio Galesi Starace Fonseca (foto Claudio Schapochnik)

Publicidade
Onity

Em relação à promoção do Juma Ópera, o Diretor conta que ontem (terça, dia 11) apresentou o hotel a agentes de viagens e operadores na capital paulista. “Ainda esta semana também vamos apresentá-lo à imprensa e ao mercado no Rio de Janeiro.”

Sobre o treinamento da equipe, Fonseca diz que contratou duas experientes profissionais do mercado: Gabriela Otto, que cuidou do pessoal de frente, e Luciana Tebar, que treinou a equipe de governança.

Entre outros fornecedores, o Juma Ópera tem equipamentos e produtos das seguintes empresas: Trousseau, Dunelli, Saga Systems, Deca e Punto Luce.

O interior do restaurante Ópera

Publicidade
Equipotel 2021

INFRAESTRUTURA
O complexo do hotel-boutique é formado por dois casarões tombados e restaurados e dois prédios construídos no mesmo estilo. Conta com ambientes com pé-direito altíssimo, bar, restaurante, rooftop com piscina, academia de ginástica e espaços para reuniões e eventos. A arquitetura tem a assinatura de Roberto Vinograd, enquanto a decoração de ambientes é assinada por Débora Aguiar.

As 41 suítes têm tom pastel e possuem ar-condicionado, acesso à internet sem fio, frigobar e televisor, além de portas e janelas tratadas acusticamente. Algumas também contam com banheira.

Uma das 41 suítes do novo hotel

Publicidade
SPCVB

A gastronomia do hotel é liderada pela conceituada chef Sofia Bendelak. Sob uma cúpula de ferro e vidro, o restaurante Ópera serve pratos amazônicos e internacionais. “Por enquanto atende apenas os hóspedes e a partir desta segunda (dia 17), abrirá para o público em geral”, antecipa Fonseca.

O Juma Ópera fica na Rua 10 de Julho, 481. O site www.jumaopera.com.br entrará no ar em breve.

Publicidade
Anuncie conosco

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


CAPTCHA Image
Reload Image

CLICK AQUI PARA ESCOLHER O IDIOMA DA LEITURA
error: ARQUIVO NÃO AUTORIZADO PARA IMPRESSÃO E CÓPIA