HOME Matérias Aconteceu Bourbon Santos Hotel conclui 70% do retrofit de apartamentos

Bourbon Santos Hotel conclui 70% do retrofit de apartamentos

113
0
SHARE
Annie Morrissey e Yuri Freitas, da Bourbon Hotéis (Foto: Hugo Okada)

O Bourbon Santos Hotel, empreendimento fruto da conversão de duas torres antes operadas pela rede Mendes em dezembro último, celebrou na noite desta terça-feira (4 de junho) por meio de um coquetel realizado em uma das áreas de eventos do hotel, o avanço do retrofit dos seus apartamentos, que já contemplou 70% do total de 240 apartamentos. O investimento é de aproximadamente R$ 2 milhões.

O evento contou com a presença da nova Diretora de Marketing e Vendas da Bourbon, Annie Morrissey, entre outras lideranças da rede. Na ocasião, além de apresentar as unidades para a imprensa especializada, Yuri Freitas, Gerente Geral da unidade, explicou: “O Bourbon Santos Hotel é dividido em duas torres, uma com 105 apartamentos e a outra com 135. Operamos com quatro categorias, sem contar com a suíte presidencial. A ideia com o retrofit dos apartamentos é promover a padronização dos mesmos, para que ambas as torres ofereçam a mesma qualidade em hospedagem e características que são marcas registradas da Bourbon Hotéis”.

O complexo também possui 41 salas de eventos, sendo que a principal, denominada Diamante, tem capacidade para até 800 pessoas em auditório, um restaurante com 165 lugares, dois outros restaurantes para eventos de pequeno porte, área de lazer com Espaço Kids com monitores e aberto das 8h00 às 21h00 diariamente, brinquedoteca, piscina com bar molhado, academia, salão de jogos e bar no 7º pavimento. “Fizemos o handover em dezembro e estamos com seis meses de operação. O desempenho até agora registrou um crescimento de 20% na ocupação se comparado com os últimos cinco anos, e nos últimos dois meses temos estudado o fluxo corporativo. No geral, esse mix tem suprido bem a ausência de ocupação nos dias da semana”, explica Freitas.

O Bourbon Santos Hotel também mantém estratégias comerciais para as vendas diretas, com descontos para quem efetua reserva via canais da rede. “Temos aqui um hotel de lazer e negócios muito conceituado, então porque não oferecer facilidades? Uma delas é o desconto do valor do pedágio, o hóspede apresenta o voucher e esse valor é abatido da tarifa aplicada. Também temos a tarifa de 32 horas, que são as 24 horas mais a saída tardia”, pontua o Gerente.

Ainda segundo Freitas, o retrofit dos apartamentos deve ser finalizado no mais tardar em fevereiro de 2020, quando o empreendimento volta a sua atenção para a renovação das áreas comuns. “O sétimo andar é uma área de acesso pleno do cliente, onde está localizada a brinquedoteca, a piscina, entre outros. Esse será um dos espaços que serão revitalizados após o retrofit dos apartamentos, que consideramos num primeiro momento, prioridade para nossos hóspedes”, explicou Freitas, ressaltando que a recepção também deve ser contemplada.

De acordo com Annie Morrissey, a rede está desempenhado bem no segmento de eventos. “Estamos sentindo que a área de eventos este ano está bastante aquecida. Mudou o pick-up time, que é o tempo de efetuar uma venda para eventos, ele encurtou muito, então os eventos estão sendo fechados com períodos mais curtos. Isso também ocorre no lazer, quando o pick-up ocorre nas últimas três semanas antes de um feriado, o que nos dá até um frio na barriga, mas no fim acontece o que esperávamos. De modo geral estamos surpresos com o ano. A nossa queixa é a tarifa mesmo, que no ano que vem esperamos que seja melhor nos hotéis urbanos”.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here


CAPTCHA Image
Reload Image