Publicidade
Retomada do turismo

Rational dá dicas para transformar seu restaurante em um serviço de delivery

O momento que estamos vivendo obrigou diversos negócios a suspenderem suas operações. Essa é uma situação complicada, tanto para clientes quanto para donos de restaurantes. Enquanto os clientes estão perdendo o acesso aos seus pratos favoritos, os donos de restaurantes estão perdendo vendas. A menos que ousem a se aventurar em um novo caminho. Que tal transformar um restaurante em um serviço de delivery?

Publicidade
Continuum

 

Alimentos porcionados para entrega (Foto: divulgação)

Segundo Marcelo Spiller, Chef Corporativo Nacional da Rational Brasil, “Muitos de nossos clientes reagiram de maneira rápida e flexível à nova situação. Seus equipamentos de cozinha certamente os estão ajudando nesse processo”. Spiller conhece algumas operações de cozinha que trabalham com o forno combinado SelfCookingCenter®, e com o VarioCookingCenter®, que trabalha com calor de contato, ou mesmo com ambos os equipamentos. Juntos, eles cobrem 90% das aplicações convencionais, como cozinhar, assar, refogar, grelhar, defumar e até fritar. Esses equipamentos permitem que os chefs reajam rapidamente a qualquer alteração, por exemplo, em relação aos pratos oferecidos, sem precisar trocar os equipamentos de cocção na cozinha.

Forno com carga mista (Foto: divulgação)

Mudar a operação para um serviço de delivery significa alterar o horário de trabalho. As pessoas que agora estão em casa não precisam seguir uma rotina definida pelas escolas, jardins de infância ou trabalho, mas por suas próprias agendas pessoais. E isso não depende de determinados horários do dia. Os restaurantes devem se adaptar a esse cenário e serem capazes de entregar alimentos frescos mesmo às 11 horas da noite.

Publicidade
APP da Revista Hoteis

Spiller explica: “Usando o SelfCookingCenter® e o VarioCookingCenter®, você pode pré-produzir e manter de maneira conveniente a preparação dos alimentos resfriada. Conforme a demanda, você só precisa finalizar os alimentos no SelfCookingCenter® da Rational, e eles estarão prontos para entrega. Os alimentos a serem finalizados só precisam ser dispostos em um prato ou recipiente e levados à temperatura de consumo no SelfCookingCenter®. Os alimentos ficam frescos como se tivessem acabado de ser preparados, e devido a alta performance de cocção dos equipamentos, apresentam alta qualidade e ‘viajam’ melhor até a entrega para o cliente”.

Equipamento proporciona diferentes tipos de cocção para alimentos (Foto: divulgação)

E a pré-produção não poderia ser mais simples. Ambos os equipamentos oferecem soluções inteligentes: o SelfCookingCenter® e o VarioCookingCenter® apresentam processos de cocção durante a noite, que podem ser usados para grandes assados, por exemplo. O Chef só precisa carregar a carne no equipamento à noite para encontrar um assado perfeitamente macio na manhã seguinte. Então tudo o que ele precisa fazer é porcionar e refrigerar a carne, e ela estará pronta para ser finalizada quando necessário. “Este método economiza tempo e mão de obra”, explica Spiller. Uma importante vantagem competitiva, especialmente quando as cozinhas estão trabalhando com equipes reduzidas.

Publicidade
Totaline

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


CAPTCHA Image
Reload Image