Publicidade
Hotelplus

Funding para projetos fracionados foram tema de debate no ADIT Share

O Dia e horário dessa postagem está no final, assim como nome do autor. O tempo estimado de leitura é de 4 minutos

8ª edição do ADIT Share trouxe a visão do mercado financeiro sobre o setor da multipropriedade

Direto de Gramado (RS) – Dando prosseguimento a programação da 8ª edição do ADIT Share, os convidados Rafael Almeida, CEO da Natos; Fabiana Broetto, da Originação de Novos Negócios na Habitat Capital; e Tales Silva, Sócio e Novos Negócios da Hectare Capital, formaram o elenco de debate do painel “Funding para projetos fracionados: como derrubar as taxas?”.

Rafael Almeida foi o moderador deste painel. O primeiro convidado a responder aos questionamentos de Almeida foi Fabiana, que começou compartilhando sua visão sobre o mercado atual de multipropriedade. “A capacitação hoteleira por trás dos empreendimentos e a localização, são importantes. Tem que ter um atrativo turístico, que na visão dos investidores é o que torna o empreendimento um sucesso. Logística de comercialização forte e cobrança é importante para o sucesso, além da entrega do lazer e a estrutura de backoffice são outros pontos importantes”, enumerou a executiva.

Publicidade
Equipotel 2021

Para Tales Silva, “a montagem de times adequada é a chave do negócio, é olhar o projeto de maneira holística. Existem consultores que podem ajudar a conseguir um cenário favorável para o negócio. É importante para o investidor ter a equipe com todos os elementos ajustados e jogando junto”.

Perspectivas

O moderador quis saber sobre as perspectivas da multipropriedade no Brasil, segundo a visão dos convidados. “Enxergamos que é um mercado que tem muita área para expansão, mas ainda está sendo testado pelas casas que investem nesse produto. Os produtos que são convertidos em multipropriedade, no entanto, não têm capacitação hoteleira por trás e estão, por muitas vezes, localizados em regiões que não são boas para a modalidade. Tem de se ter cuidado, o VGV, entre outras atribuições, tem de estar sob a responsabilidade de alguém que conheça muito bem o setor”, opinou Fabiana.

Na 8ª edição do ADIT Share: Fabiana Broetto, Originação e Novos Negócios – Habitat Capital

Silva complementou que não acredita que a inflação volte a patamares muito altos. “Uma vez que o Brasil continue por este caminho do liberalismo, de deixar os empreendedores trabalharem, há boas perspectivas para o setor. Sobre a inflação é complicado. Não sou contra contratos, mas nesses momentos é necessário consenso, caso a inflação suba um pouco além. Acredito que no ponto onde estamos e onde podemos chegar, o setor já tenha musculatura para lidar com essa e outras questões que surjam no radar”.

Mercado

Segundo Fabiana, “há poucos anos nenhum investidor entraria neste mercado, mas a tendência é que outras casas entrem nesse tipo de produto, de repente com outro viés. A questão principal do plano empresário e seu recurso vem dos bancos que financiam projetos de incorporação que conseguem taxas um pouco mais baixas para esses projetos. Temos o cotista que está investindo no risco do projeto. Por isso existe o pedido de um pouco mais de spread nesse tipo de investimento. Acho que se os bancos entrarem nesse ritmo de multipropriedade, será um super ganho para os empreendimentos”, afirmou Fabiana.

Boas práticas

O mediador citou o Manual de boas práticas para o mercado de multipropriedade e quis saber a visão – do ponto de vista do mercado financeiro – da evolução da modalidade em todas as suas fases. “Já tenho recebido projetos de multipropriedade que são bem vistos pelos investidores. Acompanhamos todo o processo de pré venda, auxiliamos e entendemos o projeto antes, e no momento da venda, conseguimos entrar financiando. Acho que o mercado se encaminha para os investidores tomarem um pouco mais de risco. A comercialização é muito custosa, com espaço de vendas, marketing, entre outros, e a análise será mais criteriosa em relação de quem está buscando os recursos”, disse Fabiana.

Publicidade
Encontro da hotelaria

Para Tales Silva, “os estudos da parte financeira são importantes na concepção do projeto. Você vê margens muito altas e você não pode se deixar empolgar pois pode haver uma ‘barriga’, ou exposição de caixa e a análise de margem irá por água abaixo. Em um mercado que cresce tanto – vimos os números hoje atualizados na parte da manhã – é importante ganhar marketshare entre seus concorrentes. Estudos financeiros devem ser feitos o quanto antes, na minha visão. Uma opinião de fora é importante para validar o pensamento do empresário para este projeto. Isso traz mais segurança para o empresário”, explicou o executivo.

Publicidade
Escola para resultados

Fabiana opinou ainda que o mercado financeiro “assusta” mesmo o empresário: “Claro que é importante trazer uma consultoria para o médio empresário que mostre o quanto é importante ele agregar itens para se tornar competitivo entre players tão bem estabelecidos. Isso é importante, enxergamos com bons olhos o crescimento dessa indústria, desde que, com bons players”.

Tales destacou que os financiamentos que ocorrem para players menores são muitos atualmente. “Por mais que seja uma empresa não tão grande, o investidor sempre olha o potencial dela. Por exemplo se está em uma praça atrativa com serviços e diferenciais suficientes para bater com os maiores. Pode ser uma boa oportunidade para ambos”, observou.

Composição de taxas

Silva pediu que os convidados detalhassem a composição das taxas. “Desde quando começamos a investir no setor, as taxas tem convergido para baixo. Em relação a composição delas, analisamos o risco do projeto. As vezes o empresário vem para desenvolver o projeto da planta e a minuta do contrato de compra e venda e entramos com o financiamento desse projeto e claro que essa composição de risco traz uma taxa mais alta. Basicamente é assim que olhamos”, respondeu Fabiana. “Como nosso risco é de longo prazo, eu acho que é exatamente isso (o prazo) que faz a diferença”, complementou.

Publicidade
Soluções RH

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


CAPTCHA Image
Reload Image
CLICK AQUI PARA ESCOLHER O IDIOMA DA LEITURA
error: ARQUIVO NÃO AUTORIZADO PARA IMPRESSÃO E CÓPIA