TradeÚltimas Notícias

Jet Smart reinicia voos Salvador (BA) a Santiago (Chile) em outubro

A partir de outubro os baianos poderão voar para Santiago, a capital do Chile, sem fazer conexão. A empresa low cost Jet Smart, primeira desse gênero a voar no Salvador Bahia Airport, programa a retomada dos voos entre as capitais baiana e chilena, partindo às quartas e aos domingos. As passagens já estão à venda no site da companhia aérea.

Para garantir a segurança dos passageiros, a empresa low cost faz a desinfecção das aeronaves diariamente, além de ter adotado o embarque para os voos sem contato com documentação e medir a temperatura de todos os passageiros antes que entrem no avião. O uso de máscaras também é obrigatório dentro das aeronaves. Em relação às tarifas, a empresa comercializa tarifas especiais nas passagens entre as duas cidades. As datas podem ser conferidas no site da companhia, no item localizador de tarifas.

Publicidade
Tramontina

Na última temporada de verão, a empresa low cost transportou cerca de 11 mil passageiros, entre brasileiros e chilenos. “O Chile é um importante mercado emissor para Salvador motivados pelas praias do litoral baiano, além da gastronomia, e da cultura do Estado. O aumento da conectividade para a América do Sul amplia as opções dos baianos para realização de negócios, visita a amigos e parentes e outras motivações de viagem neste período de pandemia”, explica o Diretor Comercial do Salvador Bahia Airport, Marc Gordien.

Jornada segura
Jet Smart reinicia voos Salvador (BA) a Santiago (Chile) em outubro
A entrada do terminal do aeroporto baiano (Foto: Divulgação)

No Salvador Bahia Airport, o passageiro encontra a marcação da distância de segurança nos pontos de fila, dispensers de álcool gel no terminal de passageiros para higienização das mãos, barreiras de acrílico nos balcões de check-in e alertas sonoros e visuais relativos às medidas de prevenção ao novo coronavírus.

Localizado em Salvador, o aeroporto faz parte da rede VINCI Airports desde 2 de janeiro de 2018 por meio de um Contrato de Concessão com duração de 30 anos. Desde então, o aeroporto tem incorporado padrões globais de operação, buscando entregar mais eficiência, segurança e uma melhor experiência de viagem para os seus passageiros. Com este objetivo, foram realizadas obras de modernização e ampliação do terminal de passageiros, um investimento de R$ 700 milhões que ampliou sua capacidade em 50%, de 10 milhões para 15 milhões de passageiros ao ano.

Publicidade
Fispal

Claudio Schapochnik

Cláudio Schapochnik - Repórter

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
CLICK AQUI PARA ESCOLHER O IDIOMA DA LEITURA
error: ARQUIVO NÃO AUTORIZADO PARA IMPRESSÃO E CÓPIA