Publicidade
Retomada do turismo

Cambará Eco Hotel adere ao Selo Turismo Responsável

O Cambará Eco Hotel, de Cambará do Sul, acaba de aderir ao selo Turismo Responsável – Limpo e Seguro, oferecido pelo Ministério do Turismo. O selo é concedido aos estabelecimentos que cumprem rigorosamente os protocolos específicos de segurança para prevenção da COVID-19, como forma de incentivar o turismo e gerar tranquilidade aos viajantes.

Publicidade
Harus

 

Critérios para certificação com o selo

Para receber o Selo, além de estar cadastrado no Cadastro de Prestadores de Serviços Turísticos (Cadastur), o hotel deve cumprir inúmeras exigências. Dentre elas estão: a organização dos ambientes de forma que o distanciamento social seja respeitado, a colocação de álcool gel 70% em diferentes pontos do hotel, o atendimento aos hóspedes de forma organizada e que não gere filas, a disponibilização de equipamentos de proteção para os colaboradores e divulgação dos protocolos de higienização e segurança para turistas e funcionários.

Publicidade
Continuum

 

O Selo Turismo Responsável oficializa a eficiência do empreendimento no combate ao novo coronavírus (Foto: divulgação)

Novo turismo

Para Emiliano Brugnera, gestor do Cambará Eco Hotel, o reconhecimento marca a chegada do ”novo turismo”, no qual o cumprimento dos protocolos de segurança e higienização são tão importantes quanto ter instalações confortáveis e gastronomia diferenciada. “Aderimos à iniciativa para nos posicionarmos como um local seguro e preparado para atender ao novo perfil de turista, que está preocupado com a adoção dos protocolos sanitários e de higiene. Acreditamos que seja um diferencial relevante para o momento e que nos possibilitará passar mais confiança para o mercado, proporcionando mais credibilidade para nossa região turística, nossos colaboradores e clientes”.

Publicidade
Totaline

 

O Selo Turismo Responsável faz parte do Plano de Retomada do Turismo Brasileiro, coordenado pelo Ministério do Turismo. O objetivo é diminuir os impactos da pandemia e preparar o setor para um retorno gradual às atividades, posicionando o Brasil como um destino protegido e responsável.

Leia também: Adesão ao selo Turismo Responsável na Região Sudeste é recorde

Publicidade
RAP Engenharia

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


CAPTCHA Image
Reload Image