Fique AtualizadoÚltimas Notícias

Baixada Santista espera 85% de ocupação na Páscoa

Número foi revelado por pesquisa do SINHORES, realizada nas cidades de Santos, São Vicente, Praia Grande, Guarujá e Bertioga

Uma pesquisa do Sindicato de Hotéis, Restaurantes, Bares e Similares da Baixada Santista e Vale do Ribeira (SINHORES), divulgada na última terça-feira, dia 19 de março, aponta que a rede hoteleira da Baixada Santista tem expectativa de 85% de ocupação para o fim de semana de Páscoa, que acontece entre os dias 29 e 31 de março. Até o momento, 45% dos leitos estão reservados para o período. O levantamento foi realizado nas cidades de Santos, São Vicente, Praia Grande, Guarujá e Bertioga.

Publicidade
APP da Revista Hoteis

O Presidente do SINHORES, Heitor Gonzalez, destaca que esta é uma data em que as pessoas buscam ficar reunidas e demonstra otimismo para a vinda de turistas à Baixada Santista. “A nossa região é o destino ideal para quem quer curtir em família. Temos praias para todos os gostos, além de diversos bares e restaurantes que valorizam a culinária caiçara. Porém, quando o assunto é hospedagem, sempre temos que estar atentos às questões climáticas, sendo um fator determinante no fechamento de uma hospedagem”, afirma.

Baixada Santista espera 85% de ocupação na Páscoa
Até o momento, 45% dos leitos da Baixada Santista estão reservados para a Páscoa – Divulgação.
Publicidade
Desbravador

Sobre o SINHORES

O Sindicato de Hotéis, Restaurantes, Bares e Similares da Baixada Santista e Vale do Ribeira (SINHORES) é um órgão sólido no Estado de São Paulo, com reconhecimento na região. É a única entidade que representa os mais de 16 mil estabelecimentos da categoria perante os órgãos públicos e privados, defendendo sempre os interesses dos setores em assembleias de dissídio, além de servir de interlocutora em tratativas com os poderes Legislativo e Executivo. O SINHORES é  um núcleo de fomento e capacitação de mão de obra qualificada, usando como ferramenta a Escola de Hotelaria e Gastronomia para capacitar empresários e profissionais do setor. Recentemente foi aberto para os associados um banco de currículos com os alunos que mais se destacam nos cursos oferecidos pela entidade, que terá a função de reter e entregar bons profissionais ao mercado. Dentre as propostas dos administradores está a criação de um polo de capacitação que visa transformar donos de restaurantes em empresários do ramo gastronômico e hoteleiro. A ideia é prestar uma assessoria contábil, tecnológica, em compras e comercial para uma gestão sem gargalos.

Publicidade
Clima ao Vivo

João Bernardes

João Bernardes é Repórter da Revista Hotéis

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
CLICK AQUI PARA ESCOLHER O IDIOMA DA LEITURA
error: ARQUIVO NÃO AUTORIZADO PARA IMPRESSÃO E CÓPIA