Publicidade
FOHB

Volume de desembarques domésticos em aeroportos brasileiros supera a marca dos 7 milhões

O Dia e horário dessa postagem está no final, assim como nome do autor. O tempo estimado de leitura é de 1 minuto

O número de desembarques domésticos em aeroportos brasileiros, no mês de julho, foi o maior já registrado desde 1990. Foram 7.426.128 desembarques, 22% a mais que os 6.084.737 verificados no mesmo período do ano passado. O novo recorde supera em 8,17% o anterior, registrado em janeiro de 2011 (6.865.480 desembarques).
O Ministro do Turismo, Pedro Novais, afirma: “Se o ritmo de crescimento for mantido, deveremos ultrapassar os 77 milhões de desembarques ao fim de 2011, superando 2010 em 9 milhões”. No primeiro semestre, o acumulado foi de 45.364.722 chegadas, 20,97% a mais que as 37.501.222 registradas nos primeiros sete meses de 2010.
Os desembarques internacionais também cresceram e emplacaram recorde da série histórica dos meses de julho. Foram 855.739 chegadas, 14,68% superior às 746.185 registradas no sétimo mês do ano passado. O acumulado de desembarques internacionais, em 2011, chega a 5.213.609, superando em 18,23% os 4.409.561 verificados no mesmo período de 2010.
Os desembarques nacionais e internacionais, apurados pela Infraero (Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária) são um dos indicadores utilizados pelo MTur para avaliar o crescimento da atividade turística no País.

 

Se você estivesse nos seguindo pelo twitter teria recebido esta informação em tempo real. Venha nos seguir, acesse www.twitter.com/revistahoteis ou então pelo Facebook acessando nossa página através do link http://migre.me/4G5ac . Conheça também nossa página no Flickr acessando o link http://migre.me/4DT8x e no Tribt http://tribt.net/profile/revistahoteis

Publicidade
Anuncie conosco

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


CAPTCHA Image
Reload Image

CLICK AQUI PARA ESCOLHER O IDIOMA DA LEITURA
error: ARQUIVO NÃO AUTORIZADO PARA IMPRESSÃO E CÓPIA