HOME Matérias Turismo & Hospedagem Viaje ao fim do mundo, com muita emoção e segurança

Viaje ao fim do mundo, com muita emoção e segurança

40
0
SHARE

A Australis leva você a Patagônia para viver experiências únicas a partir de US$ 1.189 por pessoa com sistema all inclusive no navio 

 

Você já pensou em fazer uma viagem de cruzeiro marítimo até o fim do mundo? Esta viagem existe, mas é recomendada para quem gosta de viver fortes emoções, possui muito espírito de aventura, mas não abre mão da segurança. E é exatamente isto que a Australis proporciona aos seus passageiros. A empresa é especializada em cruzeiros de férias navegando pelos canais patagônicos mais ao Sul do Chile-Argentina, explorando o Estreito de Magalhães, o Canal Beagle e a terra do fogo, com percursos que começam nas cidades mais extremas da América do Sul: Puntas Arenas (Chile) e Ushuaia (Argentina).                     

 

Os programas podem durar 3, 4 e 7 noites e levar os turistas a conhecerem uma geografia deslumbrante e um dos últimos locais mais preservados da terra. Esta aventura acontece por braços e extensões do Canal de Magalhães, passando por baías no extremo sul da Terra do Fogo, como Almirantazgo e Ainsworth no epicentro da Patagônia Chilena. Na temporada dos cruzeiros, as temperaturas extremamente baixas (cerca de 1ºC), em alguns pontos, o mar está quase totalmente congelado. Mas o visual compensa pelos bosques nativos intocados, as flores exóticas e a fauna própria da região. A bordo do bote Zodiac os turistas podem visitar praias completamente preservadas e encontrar elefantes e leões marinhos, castores, raras gaiovotas, albatrozes, golfinhos e em alguns casos, baleias da raça Franca Austral ou até mesmo Orca.                    

 

Descer numa ilha povoada de pinguins magalhânicos também é outra emoção inesquecível. Faz parte do roteiro caminhada por entre charcos e floresta sub-antártida na Baia de Ainsworth com flores exóticas e natureza praticamente intacta, para visitar uma cascata que despenca de uma altura de cerca de 200 metros. Foi neste local que o cientista inglês Charles Darwin, reuniu no início do século passado, elementos para complementar seus estudos sobre biodiversidade e sua teoria da evolução. Por isto, neste local existe uma imensa montanha de gelo chamada Darwin. Também é possível conhecer bem de perto imensos glaciares como o de Brookes, Águila e Cóndor que são mais altos do que um prédio de dez andares. Dependendo da escolha do programa que o turistas optar, ele poderá conhecer o cabo Horn que foi declarado reserva da Biosfera pela UNESCO em 2005. O local também é conhecido como o “fim do mundo” por representar o ponto mais astral do mundo, onde se encontram os oceanos Atlantico e Pacífico e por isto é comum algumas tormentas marinhas e ondas altas.              

 

Mas a segurança sempre vem sempre em primeiro lugar, sobrepondo aos desejos dos turistas viveram experiências únicas. É comum em um mesmo dia, ou em poucas horas, acontecer às quatro estações, por isto em algumas vezes, quem determina o roteiro, é a mãe natureza. Todas as excursões são feitas por guias altamente treinados que conhecem muito bem a geografia, a flora e a fauna da região e zelam muito pela segurança dos turistas, desde a entrada, até a saída do bote. Somado a isto, estão os navios Stella Australis e o Via Australis que capacidade para 210 e 136 passageiros construídos especialmente para navegar nas águas geladas da Patagônia com todo conforto e segurança.              

 

E viver esta experiência única tem um custo muito acessível. Os novos roteiros round trip de três noites que Australis está lançando tem a grande vantagem do valor mais conveniente, a partir de US$ 1.189 por pessoa com sistema all inclusive no navio. Como existe uma parceria com a Sky Airlines, eleita neste ano como a melhor companhia aérea de voo regional da América do Sul, existe uma tarifa aérea mais competitiva, com voos na média de US$ 195,00 por pessoa de São Paulo a Santiago. A Sky possui dois voos diários interligando os destinos, assim como de Santiago a Punta Arenas, o que facilita bastante conhecer “o fim do mundo”.        

 

Maiores informações podem ser obtidas através do site www.australis.com , ou com o Consultor João Araújo através do e-mail joao.araujo@integracom.com.br              

 

A Reportagem da Revista Hotéis viajou a Patagônia Chilena a convite da Sky Airlines, Australis Cruzeiros e Integra Group

 

Veja na galeria de imagens abaixo algumas fotografias deste destino.

SHARE

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here


CAPTCHA Image
Reload Image