Publicidade
FOHB

Unidade da Estácio em São Paulo implementa vários cursos no segmento de hotelaria e gastronomia

O Dia e horário dessa postagem está no final, assim como nome do autor. O tempo estimado de leitura é de 1 minuto

Visando se posicionar de forma bem competitiva na formação acadêmica de gastronomia e hotelaria no mercado paulistano, a Estácio apresenta uma série de novidades implantadas em sua unidade da Chácara Flora em São Paulo. Para aprofundar o conhecimento dos estudantes, a Estácio lançou a extensão de hotelaria em Inglês para alimentos e bebidas. O curso tem como público alvo profissionais da área de alimentos e bebidas em hotéis e restaurantes, como, por exemplo, garçons, bartenders, maîtres e cozinheiros. Ao final de 60 horas de curso, o aluno será capaz de atender um cliente à mesa desde a sua chegada até o fechamento da conta, passando pela descrição dos serviços e pratos em todas as fases da refeição. As aulas serão ministradas pela professora Tânia de Chiaro, que além de ser professora do curso de Hotelaria na Estácio, também é diretora da escola de idiomas Link English, especializada no ensino de inglês para hotelaria e restaurantes.

 

Os estudantes e interessados no campo da hotelaria, podem também aprofundar seus conhecimentos sobre gestão das receitas de um hotel, a importância da precificação com base no mercado, e da análise do comportamento do seu cliente e tendências da distribuição em curso de extensão de revenue management. As aulas possuem como base casos reais e estão realizadas por profissionais conceituados no mercado. O curso foi criado em parceria com a consultora especialista em mercado de luxo, hotelaria e marketing Gabriela Otto. Outro importante curso que a Estácio acaba de lançar é o de o de pós-graduação em Gestão de Qualidade em Gastronomia e Gestão de Restaurantes com duração de 18 meses.

 

O treinamento do corpo docente também merece atenção especial na Estacio. Recentemente quatro professores de primeiro período e a coordenadora do curso de Hotelaria da Universidade Estácio de Sá de São Paulo, Cintia Goldenberg, retornaram de um treinamento na École hôtelière de Lausanne, na Suíça. O projeto faz parte da parceria entre as instituições, que garante a dupla titulação aos alunos formados na universidade. No segundo semestre, alguns docentes de Lausanne virão ao Brasil para ministrar palestras aos alunos.

 

Publicidade
21 anos Revista Hotéis

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


CAPTCHA Image
Reload Image

CLICK AQUI PARA ESCOLHER O IDIOMA DA LEITURA
error: ARQUIVO NÃO AUTORIZADO PARA IMPRESSÃO E CÓPIA