Publicidade
Leceres

Terras de Gaia aposta em condomínio horizontal e multipropriedade

O Dia e horário dessa postagem está no final, assim como nome do autor. O tempo estimado de leitura é de 2 minutos

Famosa por suas águas termais, Caldas Novas (GO) foi a escolha da Terras de Gaia Empreendimentos para receber o Terras de Gaia Green Residence, condomínio horizontal que vai ter como modelo de negócio a multipropriedade. Afiliado junto a RCI, líder mundial em serviços de viagens no setor da propriedade compartilhada, a procura por unidades residenciais superou a expectativa para início de operação.  No primeiro mês de vendas, em abril desse ano, o resultado foi de 30% maior do que a projeção inicial. A comercialização do empreendimento está a cargo da consultoria New Time. As obras construtivas só sairão do papel a partir de março de 2023.

Publicidade
Clima ao Vivo

Para Fernando Pupo, sócio do empreendimento ao lado de Nelson Gonzalez Junior, os números iniciais mostram que a incorporadora fez escolhas acertadas, onde todos os detalhes do projeto foram cuidadosamente pensados. Fernando conta que a opção pela multipropriedade se deve à modernidade do modelo de venda. “Entendo que hoje é o método mais eficiente e moderno de vendas que existe, é a forma mais inteligente que a pessoa pode adquirir qualquer tipo de bem”, esclarece.

Condomínio de casas com  serviços e lazer 

O modelo de condomínio horizontal também foi vastamente estudado. “Fizemos uma leitura do que é oferecido na nossa região e pela aquisição da área de 108 mil metros quadrados entendemos que a melhor forma de viabilizar o projeto seria através de casas; hoje a maior oferta é de prédios, com apartamentos de um e dois quartos no máximo e nós queremos privilegiar a privacidade de cada hóspede”, explica. Para tanto as casas contam com piscina e churrasqueira privativa. O condomínio possui projeto de paisagismo, ecobike para proprietários, espaço ecokids, parque aquático, bar e restaurante, quadras de esportes , segurança e portaria 24h e estacionamento privativo.

Terras de Gaia aposta condomínio horizontal e multipropriedade

Projeção de uma das casas do condomínio que terá privacidade, além de serviços e lazer – Divulgação

Publicidade
21 anos Revista Hotéis

O Terras de Gaia não traz benefícios apenas para os hóspedes, mas para a região onde está inserido. A geração de emprego já é uma realidade. Só na sala de vendas são aproximadamente 20 colaboradores e quando o condomínio estiver em operação serão entre 50 e 80 empregos diretos. O projeto deve movimentar, do início ao fim, R$ 45 milhões. A previsão de entrega da primeira fase com 40 unidades de um total de 160 afiliadas, é julho de 2025.

Propriedade Compartilhada

Para a Diretora de Desenvolvimento de Negócios da RCI para América do Sul, Fabiana Leite, acompanhar o nascimento de uma incorporação em modelo de multipropriedade e com um arrojado projeto de condomínio de casas em Caldas Novas é um grande diferencial. “É sempre muito gratificante a tomada de decisão dos empreendedores pela Propriedade Compartilhada e pela RCI, que beneficia 3,9 milhões de sócios em todo o mundo e se expande a todo momento para todos os territórios”, comenta Fabiana.

Publicidade
Soluções RH

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


CAPTCHA Image
Reload Image

CLICK AQUI PARA ESCOLHER O IDIOMA DA LEITURA
error: ARQUIVO NÃO AUTORIZADO PARA IMPRESSÃO E CÓPIA