Publicidade
Equipotel

Taxa de ocupação hoteleira de Salvador (BA) permanece estável no mês de julho

Segundo dados oficiais do setor apurados pela Associação Brasileira da Indústria de Hotéis Seção Bahia – ABIH-BA – a rede hoteleira da capital baiana registrou ocupação de 61,50% no último mês de julho, mantendo-se praticamente estável em relação ao mesmo período de 2018.

Já a diária média continua com um incremento de 28,62%, passando de R$ 218,57 em julho de 2018 para R$ 281,13 em julho de 2019. Deste modo, o Revpar – indicador ponderado de taxa de ocupação e diária média – de julho teve um incremento de 27,24%, com R$172,89, situando-se acima do igual período de 2018 (R$ 135,88).

Publicidade
RAP Engenharia

Comparando-se o período de janeiro a julho de 2019 com o de 2018, verifica-se que a taxa de ocupação média de 2019 (61,54%) manteve-se praticamente estável em relação a 2018 (61,45%), enquanto a diária apresentou crescimento de 24,62% (passando de R$ 233,28 em 2018 para R$ 290,72 em 2019), estimulada pela entrada de novos hotéis de luxo na cidade.

Este incremento também pode ser observado no Revpar nos primeiros sete meses com R$ 178,92 em 2019, uma melhora de 24,80% se comparado ao mesmo período de 2018 de R$ 143,36.

Publicidade
Harus

De acordo com dados da Agência Nacional de Aviação Civil – ANAC, o movimento de passageiros no aeroporto de Salvador apresentou uma queda de 4,85% no número de passageiros de janeiro a junho de 2019, se comparado a igual período do ano anterior, contribuindo negativamente nos indicadores de desempenho da hotelaria.

Para o Presidente da ABIH-BA, Glicério Lemos, apesar da crise da Avianca e da queda no número de passageiros, a entidade tem conseguido, por meio de ações promocionais, contornar a atual conjuntura no número de voos para Salvador. “Apresentamos resultados expressivos neste mês de julho e no acumulado do ano devido às ações de Road Shows e FAM Tours realizados pela ABIH-BA em parceria com a Secretaria Municipal de Cultura e Turismo – Secult, promovendo o Destino Salvador nos principais polos emissores e capacitando agentes e operadores de viagem. Já visitamos o Paraná, Aracaju e Chile e estão previstas qualificações para Salvador, São Paulo, Uruguai, Argentina, Brasília, Goiânia e Anápolis, Belo Horizonte, Betim, Contagem, Divinópolis, Porto Alegre e Festuris”, destacou Glicério.

“Além disso, nos dias 7 e 8 de agosto tivemos o maior evento de turismo na capital baiana, o Hospitality Experience, Experiência Braztoa e Rodada de Negócios, no Porto Salvador Eventos. Estes eventos reuniram aproximadamente 1000 profissionais do turismo entre operadores, agentes de viagem e hoteleiros, proporcionando para o trade turístico capacitação, network, palestras com temas relevantes para o setor, oportunidades de vendas diretas e novos negócios, fomentando a economia local”, complementa ele.

Os números são fruto da Pesquisa Conjuntural de desempenho – Taxinfo – realizada em parceria entre a Associação Brasileira da Indústria de Hotéis – seções Bahia e Brasil. Os dados são fornecidos diariamente pelos próprios hotéis ao Portal Cesta Competitiva e a média resultante constitui indicador para avaliar a evolução da atividade de hospedagem em nossa capital.

Glicério Lemos, Presidente da ABIH-BA – Foto: divulgação

Publicidade
APP – cabeçalho

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


CAPTCHA Image
Reload Image

CLICK AQUI PARA ESCOLHER O IDIOMA DA LEITURA
error: ARQUIVO NÃO AUTORIZADO PARA IMPRESSÃO E CÓPIA