Publicidade
FOHB

Pesquisa revela que desempenho dos hotéis brasileiros ultrapassa PIB pelo segundo ano consecutivo

O Dia e horário dessa postagem está no final, assim como nome do autor. O tempo estimado de leitura é de 2 minutos

A consultoria hoteleira Jones Lang LaSalle Hotels acaba de divulgar seu estudo bilíngue, intitulado Lodging Industry in Numbers – Brazil 2011, que este ano, contou com a contribuição do FOHB – Fórum de Operadores Hoteleiros do Brasil para estimular seus associados a responderem os questionários. A pesquisa revela que o forte e continuado crescimento econômico do Brasil está incitando um grande aumento da receita por apartamento disponível (RevPar) no setor hoteleiro, já pelo segundo ano consecutivo.  Em 2010, o País apresentou a mais alta taxa de crescimento do índice RevPAR já registrada, de 17,3%, sendo que, em 2011, o desempenho do setor hoteleiro está seguindo no mesmo passo de aumento, a caminho de novamente atingir a marca de dois dígitos este ano.  

 

O relatório anual da Jones Lang LaSalle Hotels fornece uma análise detalhada do desempenho de aproximadamente 400 unidades hoteleiras no Brasil, entre hotéis, condo-hotéis e resort, sendo a maior amostra pesquisada de hotéis disponível no País. O Diretor da Jones Lang LaSalle Hotels no Brasil , Ricardo Mader (Foto), diz “A crescente demanda por viagens domésticas e internacionais continua impulsionando as taxas de ocupação e as diárias médias em todos os mercados do País. O aumento das diárias médias superou o crescimento do PIB do País, evidenciando a significativa recuperação do setor”. Mader ainda acrescenta: “Vemos a continuidade dessa tendência. Em 2011, o índice RevPAR atingiu a marca de crescimento de dois dígitos nos 16 hotéis espalhados pelo Brasil, cujos ativos estão sob a nossa gestão, o que é indicativo da situação geral do mercado”.
Segundo ele, está aumentando o número de investidores internacionais avaliando oportunidades de desenvolvimento no Brasil em 2011, como investidores de private equity e institucionais dos Estados Unidos, Europa, América Latina na área de estratégias de expansão de mercado, assim como fundos de investimento do Oriente Médio e da Ásia. Investidores domésticos, englobando empresas hoteleiras e incorporadoras e construtoras locais, também estão cada vez mais focados na questão da expansão.

 

No entanto, em meio a todo esse interesse, o nível de oferta permanece moderado no Brasil.  “O mercado não está tendo uma explosão de novos estoques. O número de quartos em construção está em estágio avançado de planejamento para os próximos três anos representa um moderado aumento de 6,8% do total de quartos existente no País”, frisa a Diretora da Jones Lang LaSalle Hotels no Brasil, Manuela Gorni.

 

Essas informações baseiam-se no banco de dados da empresa sobre os projetos de hotéis que serão agregados às principais redes hoteleiras presentes no Brasil.  As unidades que se encontram nesse estágio englobam 198 hotéis com 30.500 quartos, em sua maioria concentrados nos segmentos de categoria média e econômica. Além disso, com apenas 27% aproximadamente do atual estoque de quartos de hotel afiliados a uma marca hoteleira internacional ou nacional, continua grande a oportunidade de expansão de produtos de marca. Para solicitar uma cópia do relatório, acesse: www.joneslanglasallehotels.com ou www.jllhss.com.

Publicidade
Soluções RH

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


CAPTCHA Image
Reload Image

CLICK AQUI PARA ESCOLHER O IDIOMA DA LEITURA
error: ARQUIVO NÃO AUTORIZADO PARA IMPRESSÃO E CÓPIA