HOME Matérias Aconteceu Patrick Mendes, CEO da Accor, palestrou no 9º Fórum de Formação de...

Patrick Mendes, CEO da Accor, palestrou no 9º Fórum de Formação de Compras

151
0
SHARE
Patrick Mendes (Foto: Hugo Okada)

O 9º Fórum de Formação de Compras da Accor, que acontece na Sala Anhanguera 3 do Novotel Center Norte, durante a manhã desta terça-feira, dia 5 de novembro, contou com a presença do CEO América do Sul da companhia, Patrick Mendes, que enumerou os destaques do desempenho da hoteleira francesa no ano de 2019 e do segmento de compras, tema do evento.

Segundo Mendes, “estamos falando da indústria da hospitalidade, ou 22 milhões de room nights em todo o mundo. O turismo e as viagens se tornarão uma das quatro indústrias mais rentáveis do mundo. Um em cada quatro empregos será ligado a nossa indústria e isso se deve a digitalização dos processos. Isso é um impacto para nós. A indústria do turismo representa 10% do ‘world GDP’ com 4% de crescimento por ano”, observou.

Mendes também ressaltou a chegada de novos players como a Oyo que já é o número dois no mercado mundial. “Hoje no Brasil quase 80% da hotelaria é independente. Sofrem sem Marketing, sem poder de distribuição e com custos mais caros para atrair clientes. Cinco a dez por cento fecham todos os anos. Ou entram a um grupo grande como a Accor, Marriott ou a própria Oyo, ou falam com o booking, expedia e oferecem toda a sua distribuição, pagando caro por isso. O fato é que essas operadoras trazem clientes, mas custam caro. Isso tudo são movimentos que tentamos entender e manter a nossa posição nessa corrida”, observou.

O clima político mundial também foi mencionado na apresentação de Mendes com as crises no Chile, Brasil, na Argentina e outros países, que obrigam a rede a entender o mercado e criar estratégias que absorvam esses obstáculos sem afetar o desempenho da companhia. “Hoje o luxury representa mais de 45% na nossa operação em termos de fees, receita. Precisamos de fornecedores que acompanhem esse movimento. Nos tornamos uma empresa que vai além da hotelaria. Fornecer um lençol, uma cama para o ibis não é o mesmo que fornecer para o Fairmont, obviamente. Mas hoje temos um portfólio mais abrangente, que vai de marcas como o Jo&Joe até Raffles”, Mendes ressalta, afirmando que existe uma seara ainda maior para a atuação de diferentes perfis de fornecedores.

A Accor no Brasil atualmente conta com 323 hotéis. Mendes também afirmou que, para o ano de 2020, mais marcas deverão surgir. “Trata-se de uma estratégia para atender o consumidor que está em busca de diversificação. O cliente quer sempre coisas diferentes a cada viagem. Abrimos em média, 30 a 40 hotéis por ano nessa região, a cada oito, dez dias. Queremos acelerar esse crescimento. Vamos continuar”, prometeu o executivo.

As conversões e aquisições continuarão no radar da rede em 2020. “Queremos continuar com as franquias, colocando nossas marcas em mais hotéis”, finalizou.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here


CAPTCHA Image
Reload Image