Publicidade
FOHB

Nova York é o destino mais procurados por brasileiros, aponta ViajaNet

O Dia e horário dessa postagem está no final, assim como nome do autor. O tempo estimado de leitura é de 2 minutos

Pesquisa levou em consideração emissão de passagens aéreas para o mês de dezembro de 2021

Segundo recente levantamento do ViajaNet, agência virtual de turismo, que apurou o volume de bilhetes aéreos emitidos até o dia 28 de novembro, para o mês de dezembro deste ano, os principais destinos procurados pelos brasileiros são Nova York, nos Estados Unidos, que aparece com 10,1% do interesse, seguido por 10% para Lisboa em Portugal, 6,1% para Santiago, no Chile. Juntos, esses três destinos somam um pouco mais de 26% do total de passagens para o próximo mês.

Publicidade
Harus 1

Ainda que o mundo ainda não esteja 100% recuperado da pandemia, o setor tem se mostrado mais aquecido com a combinação de restrições menores à circulação de pessoas e a maior procura por viagens – um desejo que foi alimentado por diversos brasileiros durante o período de isolamento. E este é o momento para comprar as passagens aéreas: apesar de a demanda já estar aumentando, os preços ainda estão mais baixos se comparados com 2019, sobretudo nas passagens para fora do Brasil.

Medidas de restrição de cada destino

Para quem pensa em visitar o Central Park em Nova York, as notícias são boas. A partir do dia 8 de novembro, os brasileiros totalmente vacinados poderão entrar nos Estados Unidos, segundo um anúncio feito pela Casa Branca. Serão aceitas as pessoas que tomaram as vacinas aprovadas pela Organização Mundial da Saúde (OMS) ou pela FDA, que é o órgão similar à Anvisa no Brasil. Jovens com menos de 18 anos poderão entrar no país sem ter tomado a vacina, assim como pessoas com problemas de saúde.

Publicidade
Soluções 1

Já para viajar para Lisboa, Portugal (um dos países com mais de 80% da população totalmente vacinada) basta apresentar um resultado negativo do RT-PCR, feito nas últimas 72 horas, e não é necessário ficar de quarentena ou comprovar a vacinação. Isso está valendo desde o dia primeiro de setembro de 2021, e por enquanto são as informações mais atualizadas. Agora, se pretende fazer uma viagem mais perto, para a América do Sul, o Chile estabeleceu algumas medidas que durarão ao menos até o dia 31 de outubro: apresentação de PCR negativo feito há 72 horas antes do embarque, registro completo de vacinação (que deve ser validado para obter o passe de mobilidade) e isolamento obrigatório de 5 dias ao chegar no Chile. É previsto que, a partir de novembro, a quarentena obrigatória seja reduzida para 48 horas.

Publicidade
APP da Revista Hoteis

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


CAPTCHA Image
Reload Image

CLICK AQUI PARA ESCOLHER O IDIOMA DA LEITURA
error: ARQUIVO NÃO AUTORIZADO PARA IMPRESSÃO E CÓPIA