HOME Matérias Ministro do Turismo entrega ao Presidente Bolsonaro propostas para o setor

Ministro do Turismo entrega ao Presidente Bolsonaro propostas para o setor

115
0
SHARE
O Ministro do Turismo Marcelo Álvaro Antônio - Foto: Gustavo Messina

O Ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio, apresentou ao Presidente da República, Jair Bolsonaro, um pacote de medidas para impulsionar o turismo no País. O encontro aconteceu no início da tarde de ontem (20) e teve como objetivo propor as soluções para os principais gargalos do setor: melhoria do ambiente de negócios para atração de investimentos, aumento da conectividade aérea e ampliação do número de visitantes estrangeiros no Brasil.

Entre as propostas está a isenção do visto para cidadãos americanos, australianos, canadenses e japoneses que desejam conhecer destinos brasileiros. Segundo dados da Organização Mundial do Turismo, ações de facilitação do visto podem ampliar em até 25% o fluxo de viajantes de outros países. O Ministro também defendeu a criação das Áreas Especiais de Interesse Turístico a partir da identificação de áreas prioritárias para atração de investimentos, seguindo o exemplo de Cancun, no México.

Com as medidas, a Pasta espera que sejam gerados dois milhões de empregos, além de ampliar o número de estrangeiros de 6,6 milhões para 12 milhões e incluir 40 milhões de brasileiros no mercado doméstico de viagens. As metas estabelecidas fazem parte do Plano Nacional do Turismo 2019-2022. A proposta também inclui, ao longo dos quatro anos de gestão, a ampliação da receita gerada pelos estrangeiros de US$ 6,5 bilhões para US$ 19 bi. “Tenho convicção de que essas medidas são o que faltam para que o turismo em nosso País dê um salto definitivo em direção a um novo patamar, sendo responsável por um novo ciclo de geração de riqueza, emprego e renda em todo o território nacional. O Presidente acredita no trabalho que está sendo desenvolvido e estou confiante na adoção dessas iniciativas”, afirmou o Ministro.

Outro assunto abordado foi a transformação da Embratur em Agência de Promoção Turística Internacional, possibilitando uma gestão moderna, ágil e inovadora e permitindo a parceria com a iniciativa privada. Também fazem parte do documento apresentado ao presidente a modernização da Lei Geral do Turismo, as diretrizes de Gestão Turística dos Patrimônios Mundiais reconhecidos pela Unesco e a entrega de terrenos e prédios da União, com potencial turístico, para a gestão do ministério.

Segundo dados da Organização Mundial do Turismo, ações de facilitação do visto podem ampliar em até 25% o fluxo de viajantes de outros países – Foto: Pixabay (RainerPrang)

Parcerias Interministeriais

Dando prosseguimento ao pacote de medidas, Marcelo Álvaro Antônio se reuniu também ontem (20) com os Ministros das Relações Exteriores, Ernesto Henrique Fraga Araújo, e da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas, para debater assuntos em comum que têm impacto na atração de turistas e investidores para o Brasil.