HOME Matérias Malai Manso é o 1º resort do Brasil a operar 100% com...

Malai Manso é o 1º resort do Brasil a operar 100% com energia solar própria

423
0
SHARE
Vista aérea das placas solares do empreendimento (Foto: divulgação)

Instalado em uma região onde é verão o ano todo e com uma das maiores incidências de luz solar do Brasil, o Malai Manso Resort tirou proveito de sua localização privilegiada para construir o seu próprio parque solar.  O resort se torna agora o 1º do Brasil a operar 100% com energia solar própria e também a ter a maior instalação fotovoltaica (obtida através da conversão direta da luz do sol em eletricidade) no Estado do Mato Grosso. O projeto de engenharia foi realizado pela Oeste Solar Energia Renovável e 3.016 módulos vieram da fabricante Trina Solar.

A iniciativa faz parte dos valores do resort, que segue diretrizes globais para o desenvolvimento de um turismo sustentável e valoriza a importância e a disseminação de práticas sustentáveis e ecológicas entre seus colaboradores e hóspedes, por meio de ações do projeto ECO Malai.

O novo parque solar do Malai Manso foi construído em uma área de oito hectares e teve investimento de R$8,3 milhões, com previsão de retorno desse investimento em 2,5 anos. Ao todo, são 6616 módulos do modelo Polycristalino instalados, que permitem que projetos solares comerciais e de concessionárias de energia elétrica tenham economias significativas.

No caso dos hotéis e resorts, os maiores gastos financeiros são com energia elétrica, que além de ser utilizada por hóspedes para funcionamento de televisores, ar condicionados, secadores de cabelo e computadores, também precisa ser utilizada pelo resort para manter o funcionamento de elevadores, refrigeradores, freezers, condicionadores, aquecedores e geradores por 24 horas, todos os dias da semana, gerando um altíssimo consumo.

Além do impacto zero no meio ambiente, a nova tecnologia proporcionará uma geração de 350.000 KWH mensais de energia, redução da emissão de CO2 no meio ambiente e uma economia de gastos mensais do resort prevista em R$322 mil mensais.

Ricardo Gouveia, Diretor Comercial do Malai Manso, afirma: “Com essa iniciativa, além da economia financeira, que também é importante e necessária para qualquer empreendimento comercial, damos mais um passo em favor dos princípios ecológicos e sustentáveis que sempre foram a base do Malai Manso. Nosso resort foi pensado e construído para que nossos hóspedes se sintam parte da natureza exuberante do cerrado Mato-Grossense e a conclusão e funcionamento do nosso parque solar é um importante avanço para que a região continue sendo preservada e esses princípios sejam levados adiante”.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here


CAPTCHA Image
Reload Image