Publicidade
Trofeu fornecedor

Hotelaria está animada com a entrada de Salvador (BA) na fase verde

O Dia e horário dessa postagem está no final, assim como nome do autor. O tempo estimado de leitura é de 2 minutos

Os órgãos de controle da segurança sanitária da Prefeitura de Salvador e do governo da Bahia resolveram abrandar de vez as restrições impostas pela pandemia da COVID-19. Com isso, a capital baiana entrou no dia de hoje (9 de julho) na fase verde e a rede hoteleira de Salvador está animada com o início da retomada econômica, na qual libera o funcionamento de diversas atividades na capital baiana. A decisão foi tomada foi motivada pela queda nas taxas de ocupação de UTIs e na pressão sobre gripários e UPAs  – Unidades de Pronto Atendimento.

Publicidade
Pikolin

Entre as liberações da fase verde está o livre funcionamento todos os dias de teatros, parques de diversão, quadras e campos públicos municipais. Os parques públicos podem funcionar, mas de segunda a sábado. O acesso às praias estará permitido de segunda a sábado, também sem restrição de horário – com a exceção da praia do Porto da Barra, que estará liberada de terça a sábado. Um novo decreto estadual modifica o horário do toque de recolher, que passa a valer de 0h00 às 05h00. O comércio de rua poderá funcionar das 09h00 às 19h00. Já os shoppings centers, centros comerciais e semelhantes, podem desenvolver as atividades das 10h00 às 22h00 e os restaurantes, bares, pizzarias, temakerias e similares, das 11h00 às 23h30..

Publicidade
Altenburg

Hotelaria está animada com a entrada de Salvador (BA) na fase verde

Luciano Lopes: “A hotelaria de Salvador está com uma expectativa boa no início da retomada das atividades turísticas” (Foto: Divulgação)

Publicidade
SPCVB

De acordo com Luciano Lopes, Presidente da ABIH/BA – Associação Brasileira da Indústria de Hotéis da Bahia, a abertura das praias, bares e restaurantes, além da ampliação do horário de funcionamento do comércio, parques, espaços de convenções e centros culturais, vão possibilitar o incremento do fluxo de turistas na cidade. “A redução na taxa de contaminação da COVID-19 e o crescimento no percentual de vacinados é uma conjunção importante para o início da retomada das atividades turísticas e o desempenho da hotelaria. Pesquisas apontam que Salvador é um dos destinos mais desejados, por isso é necessário que as atrações turísticas estejam disponíveis para completar a rica experiência da visitação. A hotelaria está preparada para atender a todos com os protocolos de segurança”, relata Luciano Lopes. A ABIH-BA segue em frente para a sustentabilidade dos negócios e manutenção dos empregos, dando suporte e atuando nas 13 zonas turísticas do estado da Bahia.

Publicidade
Anuncie conosco

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


CAPTCHA Image
Reload Image

CLICK AQUI PARA ESCOLHER O IDIOMA DA LEITURA
error: ARQUIVO NÃO AUTORIZADO PARA IMPRESSÃO E CÓPIA