Publicidade
Leceres

Gungaporanga Boutique Hotel Entra em operação em Barra de São Miguel (AL)

O Dia e horário dessa postagem está no final, assim como nome do autor. O tempo estimado de leitura é de 4 minutos

Além de oferecer uma hospedagem de alta qualidade, o empreendimento tem uma grande preocupação de preservação do meio ambiente local.

Acaba de entrar em operação oficial o Gungaporanga Boutique Hotel. O empreendimento fica num terreno 68 metros acima do nível do mar do Litoral Norte de Alagoas, na borda de uma falésia às margens da Lagoa do Roteiro, entre Barra de São Miguel e a Praia do Gunga no qual homenageia com seu nome e acrescenta a palavra poranga que em tupi guarani significa belo e a natureza exuberante do local reafirma o sobrenome. Isto fez com que a família Cortez transformasse o local, que era uma antiga plantação de cana de açúcar, neste empreendimento que exigiu um investimento de R$ 5 milhões para suprir a carência de meios de hospedagem de alto padrão na região. Além da preocupação com o conforto dos hóspedes, o Hotel tem uma preocupação muito grande com a preservação ambiental. “Estamos localizados vizinhos à Reserva Permanente de Preservação Natural Durval da Rocha Cortez, área de nossa família, que ao longo destes anos vem reflorestando com espécies da mata atlântica. O empreendimento foi executado com esta preocupação, utilizando eucalipto reflorestado, reaproveitamento da água, louça sanitária ecológica, reciclagem de lixo e  aquecimento solar. Como diferencial o hóspede está sendo convidado a plantar uma árvore, ajudando a reflorestar a área do próprio hotel”, destaca  a sócia proprietária, Cláudia Cortez.
Conforto e privacidade dos hóspedes
Quem assina o projeto é o Arquiteto Paulo Veloso que o desenvolveu priorizando a privacidade dos hóspedes. “Um bloco central de apóio e serviços filtra e separa a área externa, a chegada ao hotel, das áreas internas destinadas aos hóspedes. A recepção localiza-se neste bloco central, organiza os fluxos e determina as primeiras percepções da paisagem e do empreendimento. São duas alas com nove bangalôs cada, intercaladas pela piscina de borda infinita, com hidromassagem e sauna integrada. Quando o projeto estiver todo concluído serão no total duas unidades master, oito super luxo e oito luxo. O verde e a beleza natural da região permeiam todo o empreendimento e reforçam as sensações de conforto visual, serenidade, privacidade e  integração com a natureza”, destaca o Arquiteto Veloso.
As unidades foram equipadas com tecnologia de ponta e isto inclui ar condicionado tipo splits das marcas Gree e Springer, TV de LCD Philips com acesso a canais a cabo, aparelho de DVD Samsung, cofre Onity, frigobar Cônsul. Quem forneceu todos estes equipamentos foi a filial de Recife da empresa Colortel que ainda garante a manutenção. O enxoval utilizado é de algodão egípcio, os travesseiros são de penas de ganso, os colchões são da marca Serta e as amenidades da marca L´Occitane. Somado a infraestrura está secador de cabelo, telefone e uma iluminação cuidadosa. As unidades super luxo e privativa contam com banheiros com água aquecida com energia solar, e banheira de hidromassagem e piscina privativa (unidades master).
A empresa Maxlink foi quem forneceu o enxoval de cama e banho deste empreendimento e consistiu em: linha Realeza de lençóis 1005 algodão percal 200 fios branco óptico em tamanhos avantajados para melhor arrumação da cama, linha de protetores de colchões com alça elástica, colchas de Piquet linha varanda em 100% algodão com largura de 2,60 m sem emenda e cobertores de microfibra. As toalhas da Buettner são da linha top a Super Summit com 650 gr/m2 tamanho 100×150 com logomarca, rosto e piso seguiram o padrão. Em relação aos roupões, o Gumgaporanga optou pelo Robe de Piquet favo que é leve e elegante.

De acordo com o Arquiteto Veloso, a principal preocupação em desenvolver este projeto foi mantê-lo em sintonia com a realidade da hotelaria atual. “Utilizamos materiais de boa durabilidade, fácil manutenção e que explorasse ao máximo às características peculiares do terreno e culturais da região. Também foi dado como ponto fundamental à adoção de soluções de baixo impacto ambiental, ecologicamente corretas e sustentáveis”, destaca o Arquiteto Veloso.

Refúgio para casais
No momento está em operação nove bangalôs e até o final do mês de outubro entra em operação mais nove. A tarifa media em bangalô para duas pessoas com café da manha e jantar está em R$ 468,00, mas quando estiver consolidado, Cláudia Cortez espera praticar tarifa média a R$624,00. Devido à condição topográfica, o Hotel não aceita menores 14 anos, sendo considerado pela Gerente operacional, Mirela Mora, como um verdadeiro refúgio para casais. Além do conforto nas unidades habitacionais, a executiva destaca a sensação de exclusividade que o local proporciona aos hóspedes. “Todos os detalhes foram elaborados para que o cliente não tenha nenhuma preocupação e inclusive temos um bangalô super luxo adaptado e todas as nossas instalações tem acesso a deficientes físicos”, destaca Mirella.
Segundo ela, o empreendimento investe também em ações sustentáveis para ajudar a comunidade local. “Geramos diversos empregos na comunidade local, pois pretendemos valorizar e incentivar os moradores da região a terem uma profissão. Elaboramos diversos cursos de capacitação em parceria com Senac e Sebrae, com especificação em jardinagem, piscineiro, garçom, porteiro e atendimento ao cliente. Através de uma parceria com a ONG Pense Brasil oferecemos aos moradores interessados cursos de inglês e espanhol”, menciona Mirella.
Nas áreas sociais, existe uma academia, piscina com borda infinita e sauna integrada, bazar, pool bar e restaurante gourmet, com a assinatura da chef Ana Silva. Estas são algumas das atrações do empreendimento que ainda oferece trilhas ecológicas passando pelo pomar, mangue e chegando na praia particular da lagoa do roteiro. O empreendimento pretende também atrair eventos. “Temos uma sala de eventos com 40 lugares e o nosso objetivo é captar o turista de negócios, que poderá utilizar o espaço para pequenas reuniões”, conclui Mirella.

Publicidade
APP da Revista Hoteis

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


CAPTCHA Image
Reload Image

CLICK AQUI PARA ESCOLHER O IDIOMA DA LEITURA
error: ARQUIVO NÃO AUTORIZADO PARA IMPRESSÃO E CÓPIA