Publicidade
SPCVB

Grupo Rio Quente projeta receita bruta de R$ 600 milhões em 2018

O Dia e horário dessa postagem está no final, assim como nome do autor. O tempo estimado de leitura é de 2 minutos

O Grupo Rio Quente reuniu agora há pouco a imprensa especializada em sua sede no bairro paulistano dos Jardins, para falar de resultados e projeções para este ano. O tema principal girou em torno do complexo de Costa do Sauípe, em Mata de São João (BA), adquirido no final do ano passado no valor de R$ 140,5 milhões com recursos próprios. O Diretor de marketing e vendas do Grupo Rio Quente, Flávio Monteiro esteve presente com alguns gerentes de áreas dos dois empreendimentos para detalhar os planos para este ano. E ele começou destacando o slogan que passou a ser adotado. “Juntos Somos Gigantes”.

As operações de Goiás e Bahia estão sendo unificadas e com isto o Grupo passou a responder pela administração de 12 hotéis e 5 pousadas, que somam mais de 2.700 apartamentos, 2,2 milhões de hóspedes visitantes/ano, mais de 4 mil colaboradores e 29 mil membros nos programas de férias compartilhadas ao integrar os dois sites. “Estamos atuando em várias frentes para unificar os departamentos, mas o primeiro foco é aprender muito sobre Costa de Sauípe para traçar ações e conquistar resultados. Temos 25 executivos trabalhando em sinergia para fazer esta integração numa empresa única. Com isto teremos ganhos consideráveis de escala e maior competitividade no mercado”, acredita Monteiro.

Publicidade
Soluções 1

E mesmo recém adquirida a operação de Costa de Sauípe, Monteiro já elenca as primeiras conquistas: “Nossa equipe de vendas está integrada e criamos uma campanha de vendas utilizando a expressão Juntos Somos Gigantes. A integração de CRM e mídias digitais também estão sendo integradas. Alguns dos próximos passos é posicionar o produto Costa de Sauípe, mas uma coisa já está definida. Este produto terá o nosso DNA que é de entretenimento e lazer para a família e no próximo mês de fevereiro vamos concentrar nossas ações nessa nova identidade de Costa do Sauípe”, assegura Monteiro.

As equipe do Rio Quente e de Costa do Sauípe estão trabalhando numa mesma sinergia nesta transição

Publicidade
Encontro da Hotelaria

Ele explica que a primeira prioridade no início das operações em Costa do Sauípe foi fazer o cliente perceber as mudanças na qualidade dos serviços prestados. “Para isso, estamos investindo R$ 20 milhões para repaginar o que o cliente está vendo, e isto compreende áreas comuns, como as piscinas, jardins, corredores, pinturas em vários locais. Temos uma projeção de investir até 2020 R$ 900 milhões na Costa de Sauípe e no Rio Quente Resorts para consolidar ainda mais os empreendimentos como referências de entretenimento e experiências dos hóspedes”, conclui Monteiro.

Juntos os dois complexos ganham muito

Publicidade
APP da Revista Hoteis

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


CAPTCHA Image
Reload Image

CLICK AQUI PARA ESCOLHER O IDIOMA DA LEITURA
error: ARQUIVO NÃO AUTORIZADO PARA IMPRESSÃO E CÓPIA