Publicidade
Retomada do turismo

Futurologista mostra como o turismo se transformará com o “novo normal”

Com o fim da pandemia global, surgirá uma nova maneira de viver e o mundo – incluindo o turismo – com certeza, será muito diferente. Tendo em vista antecipar algumas mudanças que moldarão essa nova realidade, a Allianz Partners, líder em assistência 24 horas e seguro viagem, produziu, em parceria com o Futurologista Ray Hammond, o relatório “Life after COVID-19“.

Publicidade
RAP Engenharia

No setor de turismo, o estudo mostra que a experiência de viagem nunca mais será a mesma. O período pós-pandemia abrirá uma nova era com menos naturalidade e mais proteção. Prevê-se que o voo doméstico e de curta distância se recupere primeiro, mas os viajantes mudarão de comportamento, incluindo máscaras durante toda a jornada e os abraços e beijos de despedidas serão fora do aeroporto. Em alguns casos, pontes de embarque, ou ponte telescópica, para aviões serão usadas como um “túnel desinfetante”. Outras iniciativas das companhias serão na redução das malas de mão, para acelerar o embarque e reduzir o risco de contaminação, além de diminuir os serviços de bordo.

Publicidade
Unilever

A pesquisa mostra que a indústria de cruzeiros certamente será a mais afetada. Ninguém tem uma visão clara de como eles podem se organizar, respeitando o distanciamento social e, acima de tudo, a quarentena de viajantes doentes para evitar a contaminação.

Futurologista mostra como o turismo se transformará com o "novo normal"

Pontes de embarque, ou ponte telescópica, para aviões serão usadas como um “túnel desinfetante”.
(Foto: Divulgação)

A hospedagem será impactada por medidas aprimoradas de saneamento. É provável que os restaurantes reabram com menos horas, por menos dias, com muito menos mesas e menus bastante simplificados. Enquanto isso, os pedidos pelos aplicativos de delivery continuarão em alta.

Publicidade
Harus

Além disso, os pacotes all inclusive de hotel provavelmente serão redesenhados no turismo. Assim, será possível remover a entrega de comida e bebida em estilo buffet, e garantir que os clientes recebam o serviço em suas mesas individuais e distanciadas. As excursões deverão ser fornecidas individualmente e, por isso, serão mais caras.

Finalmente, as viagens de negócios serão reconsideradas, pois a pandemia mostrou que o gerenciamento de projetos pode ser feito por videoconferência, permitindo reduções de custos financeiros e das emissões de gases de efeito estufa. Provavelmente, apenas reuniões comerciais, exposições e eventos esportivos internacionais voltarão aos níveis normais no futuro próximo.

O relatório completo está disponível para leitura aqui.

Publicidade
APP da Revista Hoteis

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


CAPTCHA Image
Reload Image

CLICK AQUI PARA ESCOLHER O IDIOMA DA LEITURA
error: ARQUIVO NÃO AUTORIZADO PARA IMPRESSÃO E CÓPIA