Publicidade
Coronavirus

FOHB divulga desempenho da hotelaria nacional em outubro de 2019

A 147ª Edição do InFOHB – informativo desenvolvido mensalmente pelo Fórum de Operadores Hoteleiros do Brasil – exibe e analisa os resultados estatísticos da hotelaria no País. Esta edição traz os dados do desempenho de outubro de 2019 em comparação com o mesmo mês em 2018. Este levantamento contou com amostra de 505 hotéis de redes associadas, responsáveis pela oferta de 79.305 unidades habitacionais.

Publicidade
RAP Engenharia

No mês estudado, os resultados consolidados registraram acréscimos consideráveis nos três indicadores analisados, sendo: 8,9% na taxa de ocupação; 8,1% na diária média e 17,7% no RevPar.

Na performance por região, a taxa de ocupação apontou acréscimos em todas as regiões, com destaque no Norte (19,4%), seguido do Centro-Oeste (7,7%) e Nordeste (7,5%). Na diária média, aumento também em todas as localidades entre 10,2% no Centro-Oeste e 3,5% no Nordeste. No RevPar, acréscimos consideráveis de 27,1% no Norte; 20,5% no Sudeste; 18,7% no Centro-Oeste; 11,2% no Nordeste e 9,9% no Sul.

Publicidade
GRI Hotéis

Na análise de desempenho por categoria hoteleira, a taxa de ocupação registrou aumento nas categorias Econômico, com 11,4%; Midscale, 7,3% e Upscale, 4,9%. Na diária média, acréscimos também nas três categorias, 7,2% no Econômico; 9,4% no Midscale; e 8,9% no Upscale. No RevPar, incrementos de 19,5% no Econômico; 17,4% no Midscale e 14,2% no Upscale.

Acumulado ano – janeiro a outubro de 2019

Analisando os dados acumulados de janeiro a outubro de 2019, o InFOHB considera para o estudo 482 hotéis de redes associadas responsáveis por 69.274 unidades habitacionais. Em comparação com 2018, houve aumentos de 4,6% na taxa de ocupação, 6,9% na diária média e 11,7% no RevPar.

Publicidade
APP da Revista Hoteis

Quanto a análise por região, a taxa de ocupação registrou acréscimos de 6,4% no Sudeste; 2,8% no Centro-Oeste; 2,6% no Norte; 1,9% no Nordeste e 1,6% no Sul. Na diária média, todas as regiões tiveram acréscimos variando entre 8,3% no Norte e 3,4% no Nordeste. Para o indicador de RevPar, variações positivas em todas as regiões: 15,1% no Sudeste; 11,1% no Norte; 6,7% no Centro-Oeste; 6,2% no Sul e 5,4% no Nordeste.

Publicidade
Equipotel

Na análise por categoria hoteleira, apenas acréscimos foram registrados. Na taxa de ocupação. 5% no Econômico; 4,2% no Midscale; e 4,2% no Upscale. Na diária média: 6,7% no Econômico; 7% no Midscale; e 6,3% no Upscale. No RevPar: 12% no Econômico; 11,4% no Midscale; e 10,7% no Upscale.

Publicidade
Gestão de riscos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


CAPTCHA Image
Reload Image