Publicidade
Simmons

EXPO RETOMADA recebe mais de 800 visitantes testados no primeiro dia em Santos

O Dia e horário dessa postagem está no final, assim como nome do autor. O tempo estimado de leitura é de 3 minutos

A EXPO RETOMADA começou com sucesso em Santos. O primeiro dos 30 eventos-teste chancelados pelo Governo do Estado de São Paulo e único na modalidade Feiras de Negócios recebeu 846 visitantes únicos no primeiro dia, todos testados previamente na entrada do evento e com resultados negativos para a covid 19.

Publicidade
Tramontina

Um dos diferenciais da EXPO RETOMADA 2021 foi justamente a obrigatoriedade da testagem, até mesmo para as equipes da montagem e organização, com permissão de acesso apenas aos participantes com resultados negativos. O evento também cumpriu todos os demais protocolos, como a obrigatoriedade do uso de máscaras, acesso por catracas eletrônicas sem intervenção humana e planta com corredores mais largos para respeitar o distanciamento. No espaço da feira, 50 expositores apresentaram produtos e serviços nos stands.

Na abertura oficial das atividades, um painel com autoridades locais e estaduais e entidades da indústria de Eventos apresentou dados do setor de feiras e eventos de negócios. As Feiras de Negócios movimentam 50 macro segmentos econômicos do país, somente na cidade de São Paulo, a movimentação do setor costumava ser de R$ 16,3 bilhões por ano, antes da pandemia. E o tom foi otimista em relação à perspectiva de retorno.

Para o idealizador da EXPO RETOMADA e diretor da Live Marketing Consultoria, Paulo Octávio Almeida, a retomada deverá ser gradual, a partir do final deste ano. “Estamos contribuindo para esta condição. Os eventos-teste são caracterizados pela testagem dos participantes e um protocolo irá fundamentar essa liberação. Somos contrários à aglomeração, à ilegalidade. Queremos a regulação e parceria com o setor público. Nós somos gregários, vivemos em sociedade e os eventos inspiram, conscientizam, educam, geram negócios e conexões emocionais”, afirmou.

Publicidade
Engie

Para o Prefeito de Santos, Rogério Santos, a EXPO RETOMADA é mais do que um evento. “É uma grande etapa que vencemos com muito trabalho, o reconhecimento de muito esforço”, pontuou. “Uma emoção diferente”, definiu o Secretário de Turismo do Estado de São Paulo, Vinícius Lummertz. “Provas negativas de covid em poucos minutos, tudo muito organizado e a emoção de ver a união de todo o trade de eventos, congressos e feiras presentes. Agora, com essa matriz, estamos conseguindo uma fórmula de poder fazer a reabertura do setor, que foi duramente prejudicado. Aqui estão os universos mais sofridos do Brasil”, afirmou.

O primeiro dia da EXPO RETOMADA deu sequência com uma agenda de mais dois debates, sobre os desafios do setor de congressos e eventos B2B, as expectativas para as feiras de negócios pós-pandemia, seu papel, os diferenciais tecnológicos e sobre os eventos híbridos. Participaram representantes de empresas organizadoras de congressos, representantes da hospitalidade, promotoras de feiras, venues, empresas fornecedoras, além dos secretários Patrícia Ellen, do Desenvolvimento Econômico do Estado de SP, e Vinícius Lummertz, de Turismo e Viagens do Estado de São Paulo.

Publicidade
Altenburg

A secretária Patrícia Ellen comenta que: “Muito mais do que falar sobre o futuro dos eventos, a EXPO RETOMADA traz um modelo para o nosso estado, o Brasil e o mundo. O mundo está em luta para saber qual é o modelo ideal. Países estão tendo que retroceder na retomada porque abriram mão cedo demais dos protocolos.  E o simbolismo de fazer o evento em Santos, uma das cidades com a menor ocupação de UTI e 80% da população vacinada, num local com valor econômico importante e estratégico para os eventos. Os eventos presenciais vão ser muito importantes, todos estamos carentes de interações humanas e dar esse passo de forma responsável é fundamental. Se precisar retroceder, o faremos, mas a meta é seguir em frente”.

EXPO RETOMADA recebe mais de 800 visitantes testados no primeiro dia em Santos

Plateia da EXPO RETOMADA 2021

Na opinião dela, a pandemia trouxe diversos aprendizados para o setor. “Antes a dinâmica era quantos cartões você trocou, a pandemia nos trouxe o aprendizado de valorizar a interação humana, a qualidade dessa interação e a nossa responsabilidade de fazer isso de uma forma segura. Com a pandemia, as projeções para 2025 aconteceram em um ano. Tivemos mudanças que nenhum de nós previu. O vírus me ensinou a ser humilde. Passamos a estar mais presentes nas interações, até online, passamos a valorizar mais essas interações. E isso é uma possibilidade grande para o setor de eventos. A tecnologia trouxe o conceito de hub – estar presente, mas com todas as pessoas conectadas, canais cobrindo, experiências etc. Oportunidade de respeitar as diferentes necessidades”, pontuou.

Publicidade
Soluções RH

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


CAPTCHA Image
Reload Image
CLICK AQUI PARA ESCOLHER O IDIOMA DA LEITURA
error: ARQUIVO NÃO AUTORIZADO PARA IMPRESSÃO E CÓPIA