Publicidade
Travel Tech

Monte Verde reabre com apoio da ACMV e MOVE

O Dia e horário dessa postagem está no final, assim como nome do autor. O tempo estimado de leitura é de 3 minutos

O distrito de Monte Verde (MG) volta a reabrir as suas portas ao turismo a partir deste sábado, 17 de abril, após fechamento por completo que durou mais de 30 dias. A cidade mais turística do sul de Minas Gerais, e talvez uma das mais importantes do estado, reabre com 60% da capacidade de atendimento. A decisão foi anunciada ontem pelo Governo do Estado de Minas Gerais.

Publicidade
Escola de resultados

Em conjunto com 17 associações comerciais de destinos turísticos mineiros, a MOVE – Agência de Desenvolvimento de Monte Verde e Região, elaborou uma carta-manifesto defendendo o turismo consciente, que foi entregue ao Estado na última segunda-feira (12). “Com base no que vivemos no nosso distrito nos últimos meses, entendemos que é possível retomar de forma responsável, consciente e com segurança, sem uma radicalização prejudicial aos meios de sobrevivência da população. Em reunião com o secretário estadual de Cultura e Turismo, Leônidas de Oliveira, ele afirmou que o modelo adotado por Monte Verde durante a pandemia deverá ser utilizado como referência às demais localizações”, afirma Rebecca Wagner, Presidente da agência.

Publicidade
LG Eletronics – Meio

A estimativa é que o período de portas fechadas tenha causado um prejuízo de cerca de R$ 15 milhões ao distrito, que conta com, aproximadamente, 740 empresários, sendo 80% deles de pequeno porte. Para minimizar as perdas, que se acumulam desde o ano passado, a MOVE desenvolveu um pacote de ações que auxiliam na sobrevivência dos negócios locais.

Monte Verde é um dos destinos mais visitados do Estado de Minas Gerais atualmente (Foto: divulgação)

Rebecca ressalta: “Criamos protocolos diferenciados de atendimento em todos os nossos estabelecimentos, seguindo regras e decretos elaborados pelos poderes executivo, legislativo e judiciário, das esferas municipal, estadual e federal, no que tange à salvaguarda das vidas dos nossos moradores, trabalhadores e visitantes. A higienização e o distanciamento, principalmente, foram amplamente respeitados, e continuaremos seguindo as orientações das autoridades de saúde para manter o funcionamento do setor em plena segurança”.

Onda vermelha

Nesta fase do Minas Consciente, a onda vermelha permite o funcionamento de todas as atividades, porém, com as seguintes regras:
• Funcionamento dos estabelecimentos com 50% da capacidade de ocupação;
• Máximo de 30 pessoas por evento;
• Capacidade de 10m² por pessoa;
• Distância linear de três metros entre as pessoas.

Os empresários da cidade, todos sem exceção, já sentiam no bolso os efeitos do confinamento, com corte de vagas de trabalho, fechamento de alguns estabelecimentos comerciais, hotéis, pousadas e do comércio em geral. Na última semana, uma carreata pacífica com empresários mobilizou mais 120 pessoas, pedindo ao prefeito municipal de Camanducaia a reabertura total de Monte Verde, que vive exclusivamente da atividade turística.

Publicidade
Tramontina

O movimento teve o apoio da Associação Comercial de Monte Verde, e rendeu repercussão na TV Globo e Rede Record. A entidade, com quase meio século de atuação, ajudou bastante na pressão para a retomada, assim como a diminuição dos casos, das internações e consequentemente alívio nos hospitais da região.

Os hotéis, bares, restaurantes e comércio terão de respeitar de maneira rigorosa os protocolos de saúde.

Monte Verde reabre com apoio da ACMV

O comércio de Monte Verde reabre neste sábado, 17 de abril (Foto: divulgação)

A Associação Comercial de Monte tem incentivado ações positivas para o distrito. Além de propor a criação do Circuito dos Ateliês e da Rota dos Chocolates, a entidade decorou Monte Verde para a Semana Santa, deixando as ruas da pequena vila com ares de alegria, renovando a esperança para o momento que virá a partir de agora. Portanto, os turistas que a visitarem terão ainda duas semanas para conferir o colorido das peças feitas por mais de 20 artistas da cidade.

A ACMV informa que todos os associados filiados já estão abrindo as suas reservas para a temporada Outono/Inverno. Segundo a presidente Paula Bars, a entidade irá criar um conselho de eventos que proporá um calendário bastante ativo, promovendo festivais de arte, gastronomia e eventos culturais.

Ainda estão previstos novos convênios, cursos de formação profissional e workshops para divulgar o destino em rodadas de negócios, além da realização de press trips com jornalistas especializados em economia e turismo, visita de influenciadores e um programa de desenvolvimento de economia criativa.

Mais informações: facebook.com/associacaocomercialmonteverde

Publicidade
Harus 1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


CAPTCHA Image
Reload Image
CLICK AQUI PARA ESCOLHER O IDIOMA DA LEITURA
error: ARQUIVO NÃO AUTORIZADO PARA IMPRESSÃO E CÓPIA