Publicidade
Leceres

Desafios da capacitação na hotelaria é debatido no Conotel 2011

O Dia e horário dessa postagem está no final, assim como nome do autor. O tempo estimado de leitura é de 2 minutos

Terminou agora pouco a primeira plenária do segundo dia de palestras do 53º Conotel – Congresso Nacional de Hotéis, que acontece no hotel Maksoud Plaza, em São Paulo, e teve como tema “Capacitação, treinamento e práticas para atração e retenção de talentos”, mediado por Nerleo Caus, da ABIH-ES, contou com a participação dos palestrantes Antônio Henrique Borges, do Senac Nacional, Fernando Medeiros, da Accor,  Silvone Assis, da EVMH e Marcelo Safadi, consultor.

 

Durante a plenária eles apresentaram os principais desafios do segmento hoteleiro em qualificar os profissionais do setor e criar políticas públicas para investimento em programas de treinamento do trade turístico, hoteleiro e do receptivo para atender os turistas estrangeiros que virão aos megaeventos esportivos que o País sediará nos próximos anos, a Copa do Mundo e os Jogos Olímpicos

 

De acordo com o Borges um dos principais legados que estes eventos deixarão ao Brasil é o desenvolvimento turístico e a oportunidade de mostrar ao mundo que temos uma infraestrutura turística de qualidade. “Os governantes precisam enxergar que o turismo é uma grande fonte de renda para o País, gerador de mão de obra e que ajuda fomentar os outros setores da economia que estão aquecidos, como prestação de serviços, indústria, educação e comércio”, ressaltou o executivo.

 

Para Medeiros o grande gargalo da capacitação na hotelaria é a falta de talentos para o setor e de qualidade de gestão, principalmente por parte dos líderes das grandes redes hoteleiras, que necessitam enxergar estes talentos e tentar retê-los no empreendimento. “Precisamos treinar nossos gestores e pequenos empreendedores hoteleiros todos os anos para diminuir o déficit de líderes e o turnover. Além disso, temos que oferecer aos colaboradores mais que um trabalho, e sim um significado de propósito deste trabalho e motivá-los a sair de casa com vontade de trabalhar e dê desafios. Também valorizar a gestão da performance e a meritocracia e fazer os líderes incentivar as equipes”, conclui Medeiros.

 

Se você estivesse nos seguindo pelo twitter teria recebido esta informação em tempo real. Venha nos seguir, acesse www.twitter.com/revistahoteis ou então pelo Facebook acessando nossa página através do link http://migre.me/4G5ac . Conheça também nossa página no Flickr acessando o link http://migre.me/4DT8x e no Tribt http://tribt.net/profile/revistahoteis

Publicidade
21 anos Revista Hotéis

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


CAPTCHA Image
Reload Image

CLICK AQUI PARA ESCOLHER O IDIOMA DA LEITURA
error: ARQUIVO NÃO AUTORIZADO PARA IMPRESSÃO E CÓPIA