HOME Matérias CWT Meetings & Events analisa principais destinos brasileiros para viagens e eventos

CWT Meetings & Events analisa principais destinos brasileiros para viagens e eventos

51
0
SHARE
Catedral da Sé, em São Paulo (SP) - Foto: Rogério Cassimiro - MTUR

A CWT Meetings & Events, divisão da empresa global de gestão de viagens Carlson Wagonlit Travel (CWT), divulgou o relatório Meetings & Events Future Trends 2019, com as previsões relacionadas a reuniões e eventos corporativos para as cidades da América Latina. Brasil e Colômbia são os países com mais cidades no ranking. São Paulo (1º), Rio de Janeiro (4º) e Curitiba (9º) – que aparece na lista pela primeira vez – são as cidades brasileiras apontadas no levantamento.

No topo do ranking pelo terceiro ano seguido, São Paulo é a maior cidade da América Latina e tem um PIB maior que outros países na região. “A qualidade dos espaços de eventos e a capacidade da cidade são fatores importantes, assim como a logística de voo tanto para os nacionais como internacionais. Além de ser uma cidade com inúmeras atrações fixas e de temporada”, diz Gustavo Elbaum, Diretor da CWT Meetings & Events para América Latina.

Buenos Aires não entrou na lista para 2019 foi Buenos Aires, mas segundo Elbaum, poderia estar devido à rica história, cultura, música e diversificada gastronomia. “Pessoalmente, eu escolheria como principal destino o Rio de Janeiro, que é uma cidade desafiadora e que atravessa uma transformação política e econômica que deve se normalizar em breve. É uma ótima cidade para visitar e sediar eventos”, afirma.

Praia de Copacabana, no Rio de Janeiro (RJ) – Foto: Bruna Prado – MTUR

Para o Rio de Janeiro, o executivo indica se hospedar na região de Ipanema, Leblon, Arpoador e Copacabana. Além de estar à beira-mar, Ipanema também é uma boa opção para compras. “O que não se pode deixar de fazer no Rio pela primeira vez é visitar o Cristo Redentor, depois almoçar em Santa Teresa e seguir para aproveitar um pouco de sol na praia e ver o pôr do sol no Arpoador”, diz.

Jardim Botânico, em Curitiba (PR) – Foto: Renato Soares

Caso seja possível permanecer alguns dias na cidade, Elbaum também aconselha ir ao Morro do Pão de Açúcar, à Confeitaria Colombo, Museu do Amanhã e Forte de Copacabana.  “O Rio de Janeiro tem uma energia especial, que encanta os visitantes, porque além de uma boa estrutura de hotéis e espaços para eventos, oferece uma diversidade cultural e gastronômica que deixa qualquer turista maravilhado”, explica.

Com Curitiba aparecendo no ranking pela primeira vez, a cidade é uma aposta para o mercado de M&E, porque oferece uma boa estrutura de hotéis, espaço para eventos, transporte e opções para noite, além de ter tido um aumento expressivo do número de eventos de empresas operados na cidade. “Curitiba está crescendo muito, e a oferta e qualidade de espaço de eventos corporativos aumentou. No ano passado, o PIB de Curitiba cresceu 2,5%, após três anos de retração. A previsão para este ano é que cresça 2,9%, o que deve atrair negócios e, consequentemente, eventos corporativos”, afirma.

O executivo destaca que Curitiba é a 5ª maior cidade do Brasil e está em um momento de ascensão bastante positiva, porém precisa de investimentos em espaços para grandes eventos. “Para sediar Congressos Nacionais e Internacionais, além de grandes feiras, a cidade precisa melhorar os espaços para receber ainda mais eventos desses portes”, diz.