Publicidade
Leceres

6º Encontro da Hotelaria Mineira encerra com a apresentação de chefes de cozinha de renomados hotéis mineiros

O Dia e horário dessa postagem está no final, assim como nome do autor. O tempo estimado de leitura é de 2 minutos

Chefes executivos de cozinha de renomados hotéis de Minas Gerais encerraram agora à pouco o 6º Encontro da Hotelaria Mineira que aconteceu ontem e hoje,  no Imperador Eventos, em Belo Horizonte e que teve a Revista Hotéis como Mídia Oficial. Pratos tradicionais da culinária mineira e de países como a França foram apresentados num menu degustação que reuniu cerca de 200 convidados. O Chef Henrique Michel do Cipó Veraneio Hotel apresentou a Carne de Lata, que é a carne de porco conservada em sua própria gordura dentro de uma lata, uma tradição secular em Minas Gerais e em várias cidades do interior brasileiro. Esta Carne de Lata foi servida com orapronobis (planta típica de Minas Gerais) numa cama de polenta com queijo canastra, salada de tomate com cebola e manjericão.   

O Chef Ronie Peterson do Hotel Grogotó Senac, de Barbacena apresentou um inhoque de carne de sol com abóbora, crispi de couve e rapadura de pimenta. Este prato foi mesclado da culinária francesa e adaptado a culinária mineira. Já o Chef Vitor Pacheco do hotel Caesar Business Belo Horizonte também mesclou um prato da culinária nordestina com a mineira e o resultado foi a Panacota de Coco com camarão ao vinagrete de manga e coentro.

O Chef Juliano Marques do Ouro Minas Palace Hotel preparou um baião de dois com carne de sol na manteiga de garrafa que fez muitas pessoas cometerem o ‘pecado da gula’. O Chef Paulo Johnson Veloso do Ramada Airport Hotel apresentou costelinha ao molho barbecue com risoto de moranga. O Chef Gerado Brito Pinto Filho do hotel Mercure Lourdes apresentou o risoto de leitão defumado marinado e queijo coalho. Já o Chef Fábio Júlio de Jesus do Max Savassi Apart Hotel preferiu uma receita mais clássica e apresentou o salmão assado com purê de maracujá e pesto de amêndoas.

O Chef Vandeca da Pousada do Garimpo apresentou um escondidinho de orapronobis (planta típica de Minas Gerais) com filé, polenta e queijo minas. O Chef Jorge Dutra do Actual Hotel preferiu ser mais conservador na trdicional culinária francesa e apresentou um confit de canad com lentilha picante. O Chef Dênio Fernandez do Ville Real Hotel apresentou quatro pratos típicos da culinária mineira. O caldo mineiro que levou fubá, queijo mineiro, bacon, lingüiça, pimenta biquinho e couve. O inhame com espinafre gratinado, penne integral com molho comodoro e funchi seco e o frango havaiano também foram apresentados. O Chef José Roberto Lopes do hotel San Diego Suítes de Belo Horizonte apresentou a tradicional receita italiana do penne a mediterrâneo. 

Com tantas receitas deliciosas no menu degustação, a maioria dos cerca de 200 visitantes cometeram o pecado da gula.

 

Se você estivesse nos seguindo pelo twitter teria recebido esta informação em tempo real. Venha nos seguir, acesse www.twitter.com/revistahoteis ou então pelo Facebook acessando nossa página através do link http://migre.me/4G5ac . Conheça também nossa página no Flickr acessando o link http://migre.me/4DT8x e no Tribt http://tribt.net/profile/revistahoteis

Publicidade
APP da Revista Hoteis

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


CAPTCHA Image
Reload Image

CLICK AQUI PARA ESCOLHER O IDIOMA DA LEITURA
error: ARQUIVO NÃO AUTORIZADO PARA IMPRESSÃO E CÓPIA