HOME Matérias Aconteceu Sagres Hotéis promove retrofit e apresenta mudanças na BNT Mercosul

Sagres Hotéis promove retrofit e apresenta mudanças na BNT Mercosul

162
0
SHARE
Andréia Furtado, Gerente Comercial da Sagres Hotéis e Sandro Mello, diretor da rede - Foto: Raiza Santos

Direto de Itajaí (SC) – Presente pela segunda vez consecutiva na Feira de Negócios Turísticos, a Sagres Hotéis investiu em um amplo estande localizado na entrada da BNT. A empresa opera três hotéis em Balneário Camboriú, que totalizam quase 500 UHs e serviços mais voltados ao lazer. A feira acontece até o final deste sábado (26) no Centreventos Itajaí, e será encerrada com uma premiação às agências de viagens no Beto Carrero World.

Até 2016, os hotéis da Sagres não eram abertos na temporada de inverno, e desde o ano passado os empreendimentos iniciaram o atendimento também nesta época do ano. De acordo com Sandro Mello, Diretor da Sagres Hotéis, a empresa está em um processo de captação de novas frentes, e a feira é uma boa oportunidade para isso. “Temos participado de capacitações com Convention Bureau e eventos do trade”, conta.

Recebendo público nacional e internacional, a empresa sentiu a necessidade de modernizar os hotéis que já estão há mais de 20 anos em atividades. Recentemente, a Sagres promoveu um retrofit e uma ampliação, adicionando 11 apartamentos no Sagres Açores (totalizando 194 UHs). O hotel na Ilha da Madeira conta com 197 quartos e o Sagres Hotel conta com 98 UHs. “Trocamos camas dos apartamentos e revitalizamos para atender a demanda crescente de hóspede. Em todos os hotéis, tentamos sempre mudar alguma coisa para manter o hotel atualizado”, disse o Diretor.

A rede também tem outro hotel em Florianópolis (Hotel Flop), que atualmente está arrendado e operado pela Rede Andrade.

Desempenho
De janeiro a abril, os hotéis somaram aproximadamente 90% de ocupação, com incremento de 5% a 7% na receita. Em contrapartida, os empreendimentos se depararam com um tíquete médio abaixo da normalidade necessária para garantir lucro no negócio. De acordo com o Diretor, fevereiro representou um declínio de vendas de 15% no mercado da região de Balneário Camboriú e Florianópolis, impactando também na receita dos hotéis.

O Diretor comentou ainda que as margens dos hoteleiros estão cada vez mais reduzidas, e com o mercado online, no qual os empreendimentos colocam seus preços de forma aleatória, está havendo uma grande concorrência com a mesma despesa. “Dessa forma, fica difícil concorrer com este mercado”, completou Mello. A Gerente Comercial da Sagres, Andréia Furtado, acrescentou que para se adequar a esta situação, a Sagres tem se engajado mais em oportunidades de promoção.

Andréia afirma que a administradora tem tido um olhar diferente do mercado, e vice-versa. “Hoje, em Balneário Camboriú, você não vê grandes redes. E nós já estamos consolidados no mercado. Só estamos saindo de onde estávamos escondidos, e acreditamos muito neste momento da rede. Estamos investindo muito também na capacitação dos colaboradores, a linha de frente que priorizamos com atendimento personalizado e estruturado tem sido uma preocupação”, contou a Gerente.

Ela também mencionou a necessidade de equilíbrio entre a tecnologia e a humanização do atendimento – uma característica que a rede não quer perder. “Muitas vezes, você compra de uma máquina, faz o check in online, e isso perde um pouco a humanização. Valorizamos uma recepção calorosa, um manobrista para receber o carro, e outros serviços”, declarou. Cientes da necessidade de estar presente no ambiente digital, a rede Sagres está no Omnibees e em odas as plataformas digitais de redes sociais e portal com motor de reservas.

A reportagem da Revista Hotéis viaja a Santa Catarina a convite da BNT Mercosul e se hospeda no Infinity Blue Resort & Spa.