HOME Matérias Trade RIOgaleão realizou testes finais a poucos dias de entrar em operação

RIOgaleão realizou testes finais a poucos dias de entrar em operação

60
0
SHARE
O primeiro teste foi o simulado para avaliação do espaço e do sistema operacional, que contou com a presença de voluntários que realizaram todo o fluxo de embarque e desembarque (Foto: Aline Christine Massuca)

A poucos dias da inauguração do Píer Sul, o aeroporto RIOgaleão, localizado na capital fluminense, realizou recentemente os testes finais de operação. A modernização consistiu na extensão do terminal 2 com mais de 100 mil m², 26 novas pontes de embarque e uma nova alameda de lojas e restaurantes de 30 mil².

O primeiro teste foi o simulado para avaliação do espaço e do sistema operacional, que contou com a presença de voluntários que realizaram todo o fluxo de embarque e desembarque. O teste faz parte de uma série de simulados denominada ORAT (Operational Readiness, Activation and Transition), procedimento comum em aeroportos mundialmente. A ação foi iniciada no check-in com o despacho de bagagens, que durou cerca de dois minutos por passageiro, seguida da entrada dos passageiros no Boeing 747-8 da Lufthansa.

Além desse teste, também ocorreu a simulação da saída do avião e a simulação do fluxo de desembarque e da restituição das bagagens. Para este teste, foram utilizadas 80 malas e mobilizadas cerca de 100 pessoas, entre estudantes de engenharia, arquitetura, ciências aeronáuticas e turismo, além de órgãos públicos de segurança e fiscalização. Desde o início do ano, 40 testes do ORAT foram realizados e contaram com a participação de3 mil voluntários.

Finalizando as simulações, foi realizado o teste de emergência, ação que mobilizou cerca de 70 voluntários, entre integrantes do RIOgaleão e Militares do Batalhão de Infantaria da Aeronáutica Especial do Galeão (BINFAE), além das Equipes de Resposta à Emergência, ORAT, Bombeiros Estruturais, Fiscais de Terminal, Serviço Médico de Emergência e a Equipe Voluntária de Emergência do RIOgaleão. Na ocasião, foram simulados atendimentos de emergências médicas, incêndio de grandes proporções, evacuação e blackout nos saguões de embarque do novo terminal. O exercício é fundamental para avaliar a infraestrutura do Aeroporto Internacional Tom Jobim em situações de emergência que requerem a integração de várias áreas com respostas rápidas e eficazes.

De acordo com Herlichy Bastos, diretor de operações da concessionária, “Todos os testes que fizemos nos últimos meses nos garantem que o Píer Sul está em perfeitas condições para operar com o fluxo de passageiros que recebemos diariamente no aeroporto. O desafio de construí-lo em menos de dois anos foi superado com sucesso pela concessionária RIOgaleão e, agora, temos a certeza de que estamos prontos para inaugurá-lo e proporcionar uma nova experiência aos nossos passageiros”, afirmou.

SHARE

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here


CAPTCHA Image
Reload Image