HOME Matérias Resorts de Mata de São João (BA) distribuem bolsas de estudos do...

Resorts de Mata de São João (BA) distribuem bolsas de estudos do ensino médio

Iniciativa visa melhorar as condições dos estudantes da região e estimulá-los a ingressar em universidades

118
0
SHARE
O projeto visa atender estudantes que atuam nos empreendimentos e que estão concluindo o ensino médio em escolas públicas das comunidades de Mata de São João, litoral norte da Bahia - Foto: Divulgação

O Sindihmat – Sindicato dos Hotéis e Pousadas de Mata de São João, com colaboração do Instituto Imbassaí e participação dos resorts do município que integram a chamada Linha Verde, lança, no próximo domingo, 6 de agosto, um programa de educação exclusivo para atender estudantes que são colaboradores dos empreendimentos e que estão concluindo o ensino médio em escolas públicas das comunidades de Mata de São João, no litoral norte da Bahia.

A iniciativa já distribuiu o total de 100 bolsas de estudo para que os estudantes tenham acesso a uma plataforma digital, o Explicaê, com aulas de reforço escolar e uma das condições para a bolsa é que o aluno esteja inscrito no ENEM 2017. “Nosso objetivo é ampliar a capacitação dos jovens, incentivar que sigam estudando, se preparando para ingressar e se formar no ensino superior, além de estimular a competitividade entre os profissionais na operação, possibilitar que alcancem funções de maior responsabilidade nos empreendimentos, na área de chefia e até gerencia  departamental”, declara o Diretor de Recursos Humanos do Grand Palladium Imbassaí Resort & Spa e Presidente do Sindihmat, Ailton Barbosa.

Viabilizado após um ano de conversas e acertos, o programa será inaugurado com uma aula ao vivo no Colégio Estadual Alaor Coutinho, na Praia do Forte. Ainda estão previstas mais duas aulas presenciais no decorrer deste semestre. Os alunos bolsistas ganham um kit com mochila, caneta, cadernos e camiseta.

Segundo o Diretor do Instituto Imbassaí, Francisco Oliveira, o fato de uma associação patronal idealizar e implementar este projeto já marca o ineditismo da ação. Para ele, a iniciativa é fundamental para que esses jovens ultrapassem barreiras e tenham mais perspectivas de vida, o que não só traz mais oportunidades à região, mas para toda a comunidade. “Sabemos que 90% dos alunos do ensino médio na Bahia estão na rede pública. Porém, apenas esses 10%, que cursa colégios particulares, representa 83% daqueles que ficam com as vagas no ENEM. Ou seja, é muito difícil concorrer com esses estudantes que têm acesso a uma formação privilegiada, o que torna o projeto relevante”, enumera.

Bem aceito pela comunidade, o programa, que atenderia apenas o município de São João da Mata, deverá ser ampliado no ano que vem. Segundo Barbosa, esse é apenas o começo de um projeto mais amplo. “No ano que vem, serão 200 bolsas de estudo. Com o tempo, o programa será ampliado para atender as expectativas e necessidades dos estudantes”, antecipa.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here


CAPTCHA Image
Reload Image