HOME Matérias Aconteceu Representantes de entidades do turismo se reuniram com o Ministro Henrique Alves

Representantes de entidades do turismo se reuniram com o Ministro Henrique Alves

27
0
SHARE
O Ministro do Turismo recebeu os presidentes da Clia-Abremar, Marco Ferraz; da Braztoa, Magda Nassar; e da Abav, Edmar Bull. Foto: Paulino Menezes/Ascom/MTur

Visando tratar de temas estratégicos para o setor de turismo no Brasil, os Presidentes da Clia-Abremar — Associação Brasileira de Cruzeiros Marítimos, Marco Ferraz; da Braztoa — Associação Brasileira das Operadoras de Turismo, Magda Nassar; e da ABAV — Associação Brasileira de Agências de Viagens, Edmar Bull, se reuniram ontem em Brasília com o ministro do Turismo, Henrique Eduardo Alves. Os representantes do mercado pediram empenho do ministro para manter a alíquota do imposto de renda sobre as remessas de dinheiro ao exterior.

A Medida Provisória que trata do assunto está no Senado, sob relatoria do senador Dalírio Berger, e tem que ser votada até 09 de junho. A melhoria da infraestrutura portuária para os cruzeiros marítimos e a criação de áreas especiais de interesse turístico também entraram na pauta. “O turismo tem muito a contribuir para o desenvolvimento do Brasil. Conversei sobre o assunto com o ministro do Planejamento, Romero Jucá, que se mostrou extremamente sensível ao assunto. O nosso horizonte é favorável”, comentou o ministro. Henrique Alves ressaltou ainda, junto aos representantes do mercado, o compromisso de articular no Congresso Nacional a manutenção da alíquota do imposto de renda sobre os pagamentos de agências e operadoras de viagem em 6%.

O ministro adiantou que o projeto de lei que trata da criação de áreas especiais de interesse turístico já foi finalizado e enviado para a Casa Civil. O texto prevê licenciamento diferenciado e crédito facilitado em áreas pré-definidas como forma de fomentar o desenvolvimento econômico por meio do turismo. Cancun, no México, serviu de inspiração. Na década de 1970, a região era abandonada e atualmente responde por US$ 11 bilhões dos US$ 17 bilhões inseridos na economia mexicana por visitantes internacionais.

SHARE

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here


CAPTCHA Image
Reload Image