HOME Matérias Aconteceu Palestra de hospitalidade com emoção encerrou 10º Encontro da Hotelaria Mineira

Palestra de hospitalidade com emoção encerrou 10º Encontro da Hotelaria Mineira

40
0
SHARE

Direto de Ouro Preto – Esta palestra motivacional foi realizada agora à pouco, de forma muito bem humorada, pelo Consultor Cristiano Lopes que utilizou até mesmo truques de mágicas para cativar o público no 10º Encontro da Hotelaria e Gastronomia Mineira. Com isto, encerrou-se a grade de palestras do evento que é o maior no gênero no estado de Minas Gerais, sendo promovido pela FBHA – Federação Brasileira de Hospedagem e Alimentação, tendo a Revista Hotéis como Mídia Oficial. Este Encontro teve início ontem no Centro de Artes e Convenções da UFOP — Universidade Federal de Ouro Preto. Lopes é professor de Turismo, Gestão Hoteleira e Marketing, Consultor Organizacional e Palestrante com quase 1000 palestras feitas em todo Brasil.

 

Em sua palestra Lopes procurou mostrar que a cada dia que passa o mercado exige que pessoas se reinventem sempre, mas fazer as coisas acontecerem é necessário estar atento aos detalhes, pois eles fazem a diferença e isto é crucial na hotelaria. “Mudança é escolha e nunca se pode estar na zona de conforto. Não devemos ser mais um igual entre os iguais. Se faz necessário um diferencial. Não podemos ser medianos, pois atendimento surpreendente cabe em todos o segmentos. Quando somos médios dizemos ‘tá bom, vamos deixar como está’. Só que o mundo precisa de pessoas que busquem se superar, que tenham notoriedade naquilo que fazem”, avaliou Lopes.

 

Ele abordou em sua palestra que os lideres devem ser multifuncionais e conseguir orientar as pessoas e incomodar os diretores. “Tem muita gente que sabe mandar pelo poder que possui e poucos utilizam as técnicas organizacionais. O líder gosta de trabalhar com colaboradores e o profissional do futuro tem de entender que empreendedorismo é quem inova, que erra, quem pensa e faz. Deve ter uma visão holística e pensar em um todo, como uma equipe e saber utilizar a tecnologia para saber fazer”, assegura Lopes.

 

Segundo ele, os cenários de mercado, as empresas e os profissionais do passado, presente e futuro, as características do empreendedor, a liderança servidora e as possíveis transformações dentro das empresas que podem render melhores resultados. “O mercado é pautado para quem faz as coisas acontecerem. No mundo da hospitalidade, as pessoas necessitam ser empreendedoras, tenham um posicionamento estratégico, estejam atentas as inovações tecnológicas e dediquem cada vez mais atenção especial ao atendimento ao cliente”, analisa Lopes.

 

Ainda de acordo com Lopes, não existem mais lugares para chefes e sim líderes e o mesmo se aplica aos profissionais no quesito comodidade. “No lugar de funcionários, as empresas devem entender que seus liderados são colaboradores e devem transformar estes em empreendedores e saber conquistá-los. Já o talento humano precisa ser multifuncional e capacitado. Tem gente que trabalha 17 horas por dia e não é produtivo, já outro que faz 6 horas, produz muito mais”, exemplificou Lopes.     

 

E finalizando, Lopes acredita que para se obter destaque em qualquer área de atuação, é necessário que a pessoa exerça suas atividades com paixão naquilo que faz. “Quem tem habilidade para lidar com a diversidade procura conhecer novas culturas, demonstra respeito e tolerância por culturas diferentes da sua, além de entender, respeitar e valorizar as diferenças e ter mais gratidão com os demais”, finalizou.

SHARE

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here


CAPTCHA Image
Reload Image