HOME Matérias Trade Ouro Preto (MG) promoverá Festival de Turismo em outubro

Ouro Preto (MG) promoverá Festival de Turismo em outubro

7
0
SHARE

A cidade mineira de Ouro Preto irá receber de 15 a 17 de outubro, a primeira edição do Festival de Turismo Ouro Preto. O evento ocorrerá no Centro de Convenções da UFOP – Universidade Federal de Ouro Preto, e será realizado pela Abav/MG – Associação Brasileira das Agências de Viagens e pela Fire Assessoria de Eventos, com apoio governamental da Prefeitura Municipal de Ouro Preto, Governo de Minas Gerais, Sistema Fecomércio MG, Sesc e Senac e parceiros estratégicos do trade.

Durante o festival ocorrerá uma feira de turismo com 70 expositores, com opções de roteiros e circuitos nacionais e internacionais. Os profissionais do setor de turismo também poderão participar de congressos, seminários e workshops. A expectativa é de que Ouro Preto receba 2 mil profissionais do segmento por dia.

Na visão de Antonio da Matta, presidente da Abav/MG, o evento tem o intuito de reunir, na cidade de Ouro Preto, importantes profissionais de turismo que atuam em todos os estados do país. Serão três dias de evento com atividades ideais para a concretização de negócios e parcerias com possíveis resultados para os próximos anos. “O Festival promoverá a cidade histórica como um ponto turístico de grande relevância para o Brasil. O encontro será uma oportunidade dos profissionais que atuam no setor de turismo discutirem como está o mercado e trocarem experiências. As atividades paralelas, como congressos e seminários também promoverão a qualificação desses profissionais, visando às necessidades que o turismo brasileiro requer”.

De acordo com o Secretário de Turismo de Ouro Preto, Felipe Vecchia, a cidade recebe cerca de 30 mil pessoas por mês e, hoje, conta com cinco mil leitos. Por isso, o Festival representa um grande ganho para Ouro Preto, que tem um trade de turismo amplo. “Ouro Preto é considerada uma das maiores riquezas do estado de Minas Gerais, inclusive, foi eleita pela UNESCO como Patrimônio Mundial da Humanidade e tombada nacionalmente para amparar as tradições culturais e manter vivos os fatos históricos do Brasil. A cidade demanda que o turismo seja realizado de forma profissional. O Festival surgiu justamente dessa necessidade e, pelo empenho e troca de experiências entre cada instituição envolvida, foi possível estruturá-lo”, conta.

SHARE

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here


CAPTCHA Image
Reload Image