HOME Matérias Trade Medida provisória prevê contratação temporária com garantias trabalhistas

Medida provisória prevê contratação temporária com garantias trabalhistas

4
0
SHARE

A contratação temporária com garantias trabalhistas será tema de proposta enviada pelos ministros do Turismo, Gastão Vieira, e do Trabalho e Emprego, Manoel Dias à Casa Civil.

A proposta prevê a criação de uma nova modalidade de contratação temporária para trabalhadores do setor de turismo. Um dos objetivos é facilitar a admissão para trabalhos curtos durante a Copa do Mundo de 2014 e as Olimpíadas de 2016.

Na visão de Gastão Vieira, a medida não fragiliza o trabalhador, “O tempo está determinado e todos os direitos serão garantidos em lei”, afirmou. De acordo com a proposta, as empresas poderão contratar funcionários para períodos curtos sem a necessidade de registro em carteira. As admissões poderão ser feitas pelo período máximo de 14 dias seguidos, limitados a 60 dias por ano.

Não será preciso assinar a carteira de trabalho dos trabalhadores para contratos de até três meses. Em caso de prorrogação, o empregador deverá informar ao Ministério do Trabalho e Emprego. “A medida certamente contribuirá para aumentar a competitividade do turismo brasileiro, abrindo mais oportunidades no mercado de trabalho”, disse o ministro.

O contrato temporário é uma antiga reivindicação do setor produtivo. A medida atende, principalmente, demanda dos setores de alimentação, hospedagem e organizadores e promotores de feiras e eventos. A regra, no entanto, valerá para todo os segmentos do turismo. A Federação Brasileira de Hospedagem e Alimentação estima que, durante a Copa, serão gerados nas 12 cidades-sedes, em média, 15% a mais de empregos em hotéis, bares e similares.

SHARE

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here


CAPTCHA Image
Reload Image