HOME Matérias Marketing olfativo: cheiro de bons negócios na Hotelaria

Marketing olfativo: cheiro de bons negócios na Hotelaria

496
0
SHARE
Janice Zanatta: "É muito fácil usar o marketing olfativo como ferramenta de comunicação em destaque"

Diante da acentuada concorrência que passa a hotelaria nacional, os hotéis buscam cada vez diferenciais competitivos para atrair e fidelizar os hóspedes. Para esse resultado ser ainda mais expressivo, redes hoteleiras estão investindo no marketing olfativo, um recurso que visa por meio do olfato fortalecer o vínculo entre clientes e marcas. A emoção que evoca um  aroma agradável pode ser decisiva na hora de cativar um hóspede, já que nessa ação e marketing  está implícito os valores e experiências que o hotel pretende transmitir ao cliente.  A ambientação sensorial como instrumento de marketing faz sentido.  De acordo com pesquisa realizada pela Universidade Rockefeller em Nova York, descobriu que o ser humano é capaz de se lembrar de 35% dos odores que sente. Já essa porcentagem cai para 5%, quando se trata de nossa memória visual, e para 2%, no que diz respeito à memória auditiva. Segundo os pesquisadores Linda Buck e Richard Axel, a memória humana é capaz de guardar até 10 mil aromas diferentes e somente 200 cores.

GoodSmell

Na Alemanha, foi constatado que o uso de fragrâncias personalizadas ajudam a crescer em 16% o tempo de permanência num determinado local e aumentam em 15% a possibilidade de compra. Na avaliação de especialistas, isso acontece porque o aroma agradável influencia de forma positiva no humor e no comportamento dos funcionários e dos clientes. Essa tendência também é vista no Japão, onde companhias aéreas investem no marketing olfativo com excelentes resultados.

O hotel Slaviero Lifestyle Rio de Janeiro foi inaugurado recentemente e já adota esta ferramenta de marketing olfativo
O hotel Slaviero Lifestyle Rio de Janeiro foi inaugurado recentemente e já adota esta ferramenta de marketing olfativo – Crédito da foto para Renata Mello

Experiências sensoriais

E diante destas possibilidades mercadológicas, a Good Smell aposta numa série de ações para que os hotéis proporcionem aos clientes experiências sensoriais. A Diretora executiva da empresa e a aromista, Janice Zanatta, possui formação neste assunto em Londres (Inglaterra). Segundo ela, para garantir bons resultados olfativos aos seus clientes, a Good Smell conta com um atendimento personalizado, consultoria técnica para avaliação de espaços, acompanhamento de resultados. Somado a isto, estão a tecnologia diferenciada, fragrâncias hipoalergênicas (com menor potencial de causar reações alérgicas) e o comprometimento ambiental. “É muito fácil usar o marketing olfativo como ferramenta de comunicação em destaque na atualidade, proporcionando aos hóspedes experiências além da hospedagem”, avalia Janice.

Mais informações podem ser obtidas através do site www.goodsmell.com.br  ou www.facebook.com/www.goodsmell.com.br/

SHARE

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here


CAPTCHA Image
Reload Image