HOME Matérias Mercado Hotelaria brasileira terá 10 mil apartamentos de luxo até 2016

Hotelaria brasileira terá 10 mil apartamentos de luxo até 2016

14
0
SHARE

A Horwathm HTL, uma das mais atuantes consultorias hoteleiras do mundo, divulgou um levantamento apontando a oferta atual de apartamentos hoteleiros de luxo no Brasil e as perspectivas de crescimento nos próximos anos.  Este levantamento classificou na categoria urbana de  luxo aproximadamente 10 mil apartamentos e nos próximos três anos tal oferta será acrescida em aproximadamente três mil apartamentos. Se este número considerasse projetos ainda em fase de análise e/ou reconfiguração atingiria, quatro mil novos apartamentos.

Segundo este levantamento, a taxa de crescimento anual média na oferta de apartamentos urbanos de luxo no Brasil para até 2016 não é muito diferente daquela verificada durante as útimas três décadas que ficou entre 6 e 7%.  São Paulo e o Rio de Janeiro são os principais mercados da oferta hoteleira urbana de luxo no Brasil. Isto é natural, considerando a incidência econômica das duas cidades e o fato de que constituem o principal portão de entrada do país. Salvador, Brasília e Fortaleza possuem uma participação inferior.  Enquanto outras capitais, como Belo Horizonte, Curitiba e Porto Alegre possuem uma oferta hoteleira de luxo muito incipiente.

Em relação à oferta futura, o Rio de Janeiro apresenta o pipeline mais volumoso, enquanto São Paulo apresenta um crescimento futuro mais moderado. Merece destaque a Região Metropolitana de Recife (Cabo de Santo Agostinho), que acaba de receber o Sheraton Reserva do Paiva e que em breve receberá a bandeira Four Seasons que representarão a entrada de hotéis de luxo em um mercado atualmente carente deste tipo de produtos. No Rio de Janeiro, em particular, a falta de terrenos disponíveis a preços viáveis na zona sul, potencializaram a Barra da Tijuca como alvo de novos investimentos hoteleiros em geral e no segmento de luxo em particular.  Por outro lado, a revitalização da área portuária do Rio de Janeiro (Porto  Maravilha) e do Centro, também está atraindo e gerando possibilidades para o desenvolvimento de  produtos hoteleiros de luxo (focados principalmente no conceito “boutique”).

Em conjunto com Recife, São Paulo será palco da chegada de uma das bandeiras mais  esperadas no mercado brasileiro: Four Seasons. Já o Rio de Janeiro irá receber ao Trump Hotel e a entrada no mercado dos hotéis da Hilton e da Hyatt. Também chegará à cidade o Hotel Emiliano, versão carioca do bem sucedido Hotel Emiliano de São Paulo.

Embora a oferta de luxo terá um acréscimo significativo ainda resta ver o que acontecerá  com projetos para a chegada de bandeiras que ainda não têm presença no Brasil como W, Westin ou St. Regis (Starwood), M Gallery (Accor), Dream (Wyndham); a chegada de redes que procuram presença na região (Banyan Tree, Hard Rock, Yoo Hotels) e o surgimento de mais e novos produtos orientados ao nicho boutique e de design do mercado.

SHARE

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here


CAPTCHA Image
Reload Image