HOME Matérias Hotel Dona Carolina celebra Dia Nacional da Cachaça com garrafas de reserva...

Hotel Dona Carolina celebra Dia Nacional da Cachaça com garrafas de reserva premium

Bebida envelhecida por 12 anos teve sua primeira safra liberada neste ano

30
0
SHARE
A produção anual do Dona Carolina chega a 10 mil litros de cachaça em um processo totalmente artesanal - Foto: divulgação

O Hotel Fazenda Dona Carolina, localizado a 110 quilômetros de São Paulo, em Itatiba (SP), traz duas novidades para marcar o Dia Nacional da Cachaça, celebrado hoje (13): o primeiro lote da Reserva Premium, de sua produção própria, e o lançamento de uma cerveja com cachaça, feita em parceria com a cervejaria Mountain Brew. Os dois produtos são vendidos exclusivamente no hotel.

Inaugurada em setembro de 2005, a Cachaçaria Dona Carolina começou a produzir sua própria bebida em junho do ano seguinte, em três padronizações: Reserva Tradicional, com envelhecimento de três anos; Reserva Especial, com cinco anos de envelhecimento; e a Reserva Premium, com 12 anos.

O hotel também oferece em suas diárias o Tour da Cachaça, no qual os hóspedes podem conhecer todo o processo de produção da bebida, da destilação ao envelhecimento, feito em tonéis de carvalhos, importados da Escócia.

A produção anual do Dona Carolina chega a 10 mil litros de cachaça em um processo totalmente artesanal. “A colheita da cana-de-açúcar é feita entre junho e outubro. O transporte é imediato, pois moemos a cana em, no máximo, 24 horas, para que não perca o frescor. Em seguida, são 24 horas de fermentação e mais cinco horas de destilação. A cada mil litros de cana, extraímos 180 litros de cachaça”, explica Carlos Alexandre, mestre-cachaceiro do Hotel.

No processo, são eliminados o início e o fim da produção, considerados os mais “fortes” e “fracos”, respectivamente no que tange à densidade do álcool. “Ficamos apenas com o ‘coração’, que é armazenado em Jequitibá Rosa para descanso e, depois, transferido para tonéis de carvalho escocês, onde ganha aroma, cor, maciez e equilíbrio”, conta o especialista em destilação. A bebida foi considerada a segunda melhor cachaça do mundo por três anos consecutivos. “Ganhamos medalha de prata no San Francisco World Spirits Competition em 2008, 2009 e 2010, além do bronze em 2014”, comenta.