Belmond Copacabana Palace (RJ) apresenta novo chef executivo

Belmond Copacabana Palace (RJ) apresenta novo chef executivo

71
0
SHARE
O novo chef atuou em renomados restaurantes da França (Fotos: Divulgação)

O hotel Belmond Copacabana Palace, localizado no Rio de Janeiro (RJ), está apresentando francês David Mansaud como seu novo chef executivo. O profissional reúne mais de 15 anos de experiência, tendo iniciado sua carreira em 1998 no Sofitel Le Parc, empreendimento com uma estrela Michelin, em Paris, na França.

Mansaud teve seu primeiro contato com a gastronomia aos 14 anos durante as férias escolares, época em que o chef costumava ajudar seu pai na empresa da família, responsável pela manutenção de hortas e jardins.

Trofeu 1

Natural de Versailles, o chef trabalhou no restaurante Sofitel Le Parc sob a supervisão de Alain Ducasse. De acordo com ele, “Nunca havia pensado em ser chef, tudo aconteceu de uma maneira bastante natural. O trabalho com a terra, a caça e a pesca foram essenciais para que isso acontecesse. Acredito que uma boa cozinha é feita, principalmente, de memórias afetivas”.

Após sua primeira experiência, Mansaud atuou no restaurante do Hotel Scribe (duas estrelas Michelin), também em Paris, desta vez sob a supervisão do chef Yannick Alleno, e no restaurante Le Mas Perrier, na Filadélfia, nos Estados Unidos.

David Mansaud (3)Ainda na França, Mansaud trabalhou no hotel Dormy House, em Étretat, para em seguida assumir o restaurante do hotel Astor Saint Honoré, em Paris, além de ter dado aulas na École de Cuisine Alain Ducasse. Quando chegou ao Brasil, em 2012, assumiu o cargo de chef executivo e instrutor geral do curso superior de gastronomia da Universidade Estácio de Sá, único do país a ter a chancela de treinamento da Alain Ducasse Education (ADE).

Antes de assumir o cargo de chef executivo do Belmond Copacabana Palace, Mansaud também chegou a trabalhar por alguns meses no restaurante do hotel Le Meurice (duas estrelas Michelin), também sob o comando do chef Alain Ducasse. No Brasil, ele é um dos poucos a integrar o Les Toques Blanches, tradicional clube que reúne chefs franceses ao redor do mundo para a troca de ideias e experiências gastronômicas.

Trofeu 1
SHARE