HOME Matérias Gastronomia Aromas da Montanha (MG) promove degustação com influência mediterrânea

Aromas da Montanha (MG) promove degustação com influência mediterrânea

48
0
SHARE
Tardes de harmonizações com vinhos e azeites acontecerão durante Festival de Gastronomia - Foto: Bruno Alves

Na segunda quinzena de agosto, a cidade mineira de Tiradentes receberá a 20ª edição do Festival Cultura e Gastronomia e a Pousada Aromas da Montanha promoverá evento como parte da programação. As duas tardes de harmonizações, nos dias 25 e 26, terão como tema os “Sabores do Mediterrâneo – entre vinhos e azeites” e terão número limitado de até vinte pessoas em cada edição.

A proprietária da Aromas da Montanha, Rosana Negreiros, diz que “a proposta é um encontro entre o público interessado em saber mais a respeito e degustar azeites espanhóis e vinhos portugueses na companhia de profissionais especializados”. Para isso, a Pousada convidou o chef Marcelo Lopes, que irá preparar pães portugueses e espanhóis, além de uma deliciosa massa artesanal, os quais servirão como base para a apreciação dos azeites de oliva.

A Pousada Aromas da Montanha promoverá evento como parte da programação da 20ª edição do Festival Cultura e Gastronomia – Foto: Gustavo Andrade

Comandará esta etapa da degustação a sommelier de azeites Ana Beloto. Ela irá apresentar rótulos da marca La Rambla, um deles, inclusive, intitulado “Único”, exclusivo e não comercializado, disponível em apenas duas mil garrafas em todo o mundo. Nesta fase da degustação serão servidos ainda vinhos do Douro da marca Zom, da vinícola Barão de Vilar, para acompanhar.

Na segunda fase, o premiado enólogo português Álvaro Van Zeller assumirá a apresentação com a degustação de diversos exemplares de vinhos do Porto Maynard’s, também de sua vinícola Barão de Vilar e distribuídos no Brasil pela Casa Rio Verde. De alta qualidade, eles serão guarnecidos por três sobremesas para harmonizações. Entre elas haverá uma de inspiração nos sabores mineiros, outra tradicionalmente oriunda dos conventos portugueses e a terceira é aquela que pode-se considerar um clássico da confeitaria internacional.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here


CAPTCHA Image
Reload Image