HOME Matérias Aconteceu AccorHotels anuncia inclusão de hotéis independentes em seu canal digital

AccorHotels anuncia inclusão de hotéis independentes em seu canal digital

Foco da empresa é na conversão deste tipo de empreendimento para as bandeiras Ibis Styles e Mercure

148
0
SHARE
À esquerda, o Diretor de Desenvolvimento e Novos Negócios Abel Castro aperta a mão de Patrick Mendes, CEO do grupo para América do Sul

A rede AccorHotels, que aderiu o novo nome em junho deste ano, está apresentando algumas novidades na Equipotel São Paulo 2015, principal feira do setor hoteleiro que acontece até a próxima quinta-feira no Pavilhão de Exposições do Anhembi, na capital paulista.

O CEO da rede para América do Sul, Patrick Mendes e Abel Castro, Diretor de Desenvolvimento de Novos Negócios para a região, anunciaram os novos projetos de seu plano de expansão e o olhar mais atento aos hotéis independentes, que agora poderão ser inseridos na plataforma digital AccorHotels.com.

O plano de expansão do grupo inclui 34 novos hotéis até o fim deste ano na América do Sul, sendo 70% deles no Brasil. Atualmente, a rede conta com 252 hotéis em operação na América do Sul, e 221 deles se encontram no Brasil. A média de aberturas no continente é de um novo hotel a cada dez dias, e o foco segue nas cidades secundárias. “Fizemos uma fusão de aplicativos para smartphones para oferecer uma melhor experiência digital com vários serviços, e também, o abrimos para os hotéis independentes. Para que estejam na plataforma, será necessário que o hotel tenha um nível de qualidade mínima e seja bem avaliado no Trip Advisor. O empreendimento também receberá um profissional da Accor para verificar se o hotel está adequado, visando maior abrangência no número de hotéis”, explica o CEO Patrick Mendes.

A plataforma contará com maior número de empreendimentos, passando de 4 mil, da própria rede, para 10 mil, com a inserção de 6 mil hotéis independentes. “O processo de administração ou conversão de um hotel é sempre de longo prazo, mas apesar do momento desfavorável, o setor hoteleiro continua na agenda dos investidores pois é uma opção interessante de aplicação. A Equipotel nos dá a chance de mostrar aos hoteleiros as vantagens que a rede traz aos hotéis independentes, inclusive, preparamos um pequeno filme de 8 minutos que apresentam os dez benefícios do proprietário se aliar à rede”, afirmou Abel Castro.

Em 2015, a rede fechou 23 contratos na América do Sul, e apresenta nesta edição da feira três novas franquias: Ibis Igrejinha e Ibis Erechim (120 UH’s), no Rio Grande do Sul e o Ibis Budget Joinville (SC), com 130 apartamentos. Além destes, a rede incorpora o Ibis Styles Maceió (AL), de 140 UH’s. “Este foi um ano atípico para nós. Em Recife (PE), por exemplo, tivemos três hotéis convertidos na bandeira Mercure. Conseguimos verificar  que os hotéis independentes estão atraídos por três elementos: marca, sistema de distribuição e o programa de fidelidade Le Club”, declara Mendes, pontuando que 90% das deslocações no Brasil se fazem em 300 cidades, e o ideal é que tenham de dois a três hotéis em cada uma para atender esta demanda.

Segundo Abel Casatro, a inserção dos independentes na plataforma deverá aumentar o fluxo da Accorhotels.com e beneficiar o franqueado. A empresa já estuda lançar um programa de pontos em 2016, que por enquanto está em testes. “Queremos acompanhar o movimento digital, por isso a distribuição será apenas online  e não haverá equipe de vendas ou call Center”, menciona o Diretor.

Apesar de ter registrado queda de 6 a 7% de novos clientes em seu portfólio, a AccorHotels teve um acréscimo de 30% em 14 meses no seu programa de fidelidade Le Club no Brasil. Contudo, de acordo com Mendes, o incremento dos custos dificultam as operações, como água energia e impostos. No caso das conversões, Abel afirma que existe a vontade da rede em mobilizar os hotéis independentes, principalmente à marca Ibis Styles. “Temos ainda como meta fechar cerca de 30 a 35 novos contratos até o fim do ano, sendo as bandeiras mais flexíveis para conversão Ibis Styles, Mercure e Grand Mercure. Para ser bom franqueador, tem que ser bom administrador”, aponta. A rede quer chegar a 500 hotéis na América do Sul em 2020.
 

SHARE

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here


CAPTCHA Image
Reload Image