HOME Matérias Gastronomia ABAGA elege nova Diretoria

ABAGA elege nova Diretoria

6
0
SHARE

A ABAGA – Associação Brasileira da Alta Gastronomia, elegeu no último dia 08 de junho sua nova diretoria e o Chef João Leme (Foto) é quem comandará a entidade nos próximos anos e o Chef Jorge Monti passa agora a ser o Diretor executivo. “Precisamos oxigenar a ABAGA com novos talentos e o Chef João Leme traçará o plano de metas para que possamos executar com o apoio de toda a diretoria”, enfatiza o Chef Jorge.
Entre as principais propostas da nova gestão estão: a criação de benefícios para os associados da organização, a legalização da profissão junto aos órgãos competentes, a continuidade dos projetos e parcerias bem sucedidas da ABAGA, apoio à festivais gastronômicos, feiras, concursos e aulas em diferentes níveis e a formação de representações em todos os estados brasileiros. “Estamos em processo de análise de projetos e divisão de tarefas, pretendemos ao fim desta gestão ter no mínimo um representante responsável em cada estado, somente desta forma conseguiremos entender as necessidades e riquezas de nosso País. Nossa gestão será voltada aos interesses dos associados. Que seja justa transparente e aberta à participação de todos os que, seriamente, estiverem dispostos a contribuir. Não vamos medir esforços para desenvolver a gastronomia, tornando-a respeitada e admirada como profissão e pelos profissionais que a representam e unir todos os profissionais comprometidos com a qualidade e o desenvolvimento do setor. Devemos ainda ampliar a comunicação de nosso setor com demais órgãos de interesse comum, como: fornecedores, mídia e órgãos públicos e dar suporte e apoiar todas as iniciativas que venham a contribuir com o crescimento da gastronomia”, garante o novo Presidente, Chef João Leme.
Ele começou sua carreira profissional meio por acaso e influenciado por um professor de karatê que tinha um restaurante japonês e rapidamente chegou a sushiman e, depois, passou por alguns outros  restaurantes japoneses. A paixão pela gastronomia foi tão rápida que ele resolveu ir para Paris cursar a renomada École Le Cordon Bleu, onde se formou em cozinha e confeitaria (Grande Diploma de Cozinha e Confeitaria). Na Europa, fez estágios de cozinha e confeitaria nos hotéis Plaza Athenée e Bristol, em Paris e trabalhou como cozinheiro nos restaurantes Duquesnoy (Paris, França) e Scimmie (Milão, Itália). Ao voltar ao Brasil, abriu em 2003 o Rôti, um misto de restaurante, rôtisserie e pâtisserie, especializado em cozinha francesa contemporânea. Em seu curriculum existem diversas participações em concursos e muitas premiações, entre as quais o primeiro lugar do Concurso Iberamericano 2006 em Madri, na Espanha, o segundo lugar no Icelandic Chef 2007, em Reikjavik, na Islândia, e o primeiro lugar no Global Chefs Brasil 2007, em São Paulo.  As influências da clássica culinária francesa, unidas a toques orientais, herdados dos seis anos de experiência como sushiman, identificam o trabalho deste chefe.

SHARE

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here


CAPTCHA Image
Reload Image