HOME Matérias Mercado 80% dos hóspedes querem acelerar o check-in via celular, diz pesquisa

80% dos hóspedes querem acelerar o check-in via celular, diz pesquisa

De acordo com o Zebra Hospitality Vision Study, aprimorar a experiência do hóspede usando tecnologia estimula 83% dos hotéis e resorts a implementar ferramentas baseadas na localização para personalizar seus serviços

395
0
SHARE
O smartphone está presente na hora de pesquisar o próximo destino de férias, reservar um quarto e até fazer uma crítica online - Foto - Divulgação

Após avaliar o setor hoteleiro e de resorts, estudo realizado pela Zebra Technologies Corporation apontou as preferências dos turistas e requisitos tecnológicos que afetam sua satisfação geral durante uma viagem.

O ‘Zebra Hospitality Vision Study’ revelou que mudanças nas expectativas dos consumidores têm exigido da indústria de hospitalidade investimentos em tecnologia que aprimorem a experiência do hóspede e ofereçam maior conveniência como check-in via smartphone, ofertas e serviços baseados na localização e programas de fidelidade habilitados digitalmente.

Para ajudar a equipar os funcionários com computadores portáteis para maior interação com os hóspedes, expandir os serviços de localização para hóspedes e garantir acesso sem fio confiável, 77% dos hotéis/resorts pesquisados em todo o mundo estão expandindo a cobertura Wi-Fi. Além disso, 66% dos hóspedes relatam que têm uma melhor experiência quando os atendentes usam as mais recentes tecnologias e 80% dos hóspedes expressaram o desejo de usar seus smartphones para acelerar o check-in.


Quase três quartos (72%) dos hóspedes entrevistados gostam de hotéis que personalizam mensagens e ofertas, e 75% estão dispostos a compartilhar informações pessoais, como gênero, idade e endereço de e-mail, em troca de promoções e cupons personalizados, serviços de prioridade ou pontos em programas de fidelidade.

Para criar vantagens e ofertas altamente personalizadas, 83% dos hotéis/resorts pesquisados estão planejando implementar tecnologias baseadas na localização dentro do próximo ano – priorizando o reconhecimento de hóspedes e recursos analíticos, ofertas móveis orientadas pela posição geográfica, promoções especiais e upgrades.

O estudo mostra que os hóspedes se sentem menos confortáveis em compartilhar sua localização do que informações pessoais, embora as atitudes sejam diferentes entre gerações.  Uma parcela de 34% da Geração Milênio se sente confortável em compartilhar sua localização atual em comparação com a fatia de 13% de pesquisados com 50 a 64 anos de idade.

Histórico e metodologia da pesquisa

Cerca de 1.200 profissionais de TI, operações, marketing ou serviços para hóspedes de hotéis e resorts e mais de 1.680 consumidores foram entrevistados para dois estudos globais separados.

O primeiro estudo se concentrou na visão do setor de hotéis/resorts sobre demandas dos hóspedes, tecnologias e planos de serviços estratégicos e visão de futuro. O segundo estudo mensurou as preferências, requisitos tecnológicos e opiniões dos turistas sobre fatores que influenciam sua satisfação geral em hotéis e resorts.

SHARE

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here


CAPTCHA Image
Reload Image